Slide 1 Slide 2 Slide 3

Será que foi homofobia?



Oi pessoal tudo certo?

O relato de hoje foi enviado pelo Geovane e ele faz alguns questionamento de alguns problemas que passou na sua adolescência e gostaria de saber a opinião de vocês. 

"Será o que sofri na minha adolescência pode ser chamado de homofobia? "

"Pra quem já teve esses problemas, é comum que com o passar do tempo os algozes e as vitimas acabam se aproximando e se tornam amigos (pois tudo não passou apenas de meras brigas na escola)?"


O tema sugerido :

Será que foi homofobia?


segue o relato


Olá pessoal, tudo certo?

Antes de mais, parabenizo toda a equipe do blog pelo excelente trabalho que já acompanho a uns três anos. 

Bem, me chamo Geovane e tenho 23 anos. E o relato que vou fazer agora não é bem um " problema" e sim alguns questionamentos que gostaria de compartilhar com vocês.

Durante o ensino médio (segundo grau) e com meus 15 anos de idade, tive vários problemas com outros alunos devido a minha sexualidade. Apesar de não ser afeminado (e de ainda não ter feito sexo com outros garotos)... Acabei contando para um amigo que eu sentia atração por ele. E o mesmo riu e disse que era "para deixar de sacanagem". Então... Ele contou para os outros garotos e acabei virando motivo de chacota na escola e muitas das vezes acabei brigando com alguns garotos.

A minha família então se mudou para uma outra cidade e assim concluí o segundo grau. Nunca mais tive mais nenhum problema relacionado com a minha sexualidade. No final, acabei contando para os meus pais e amigos próximos. Hoje trabalho no setor de Recursos Humanos de um grande supermercado e tenho um namorado que me ama muito.

Mas onde quero chegar?

fez seis meses que vários funcionários novos entraram na firma para conseguir uma vaga em definitivo. E eu - juntamente com + 3 pessoas - somos os responsáveis por esses novos funcionários e dentro de 15 dias teremos de escolher os quatro melhores entre os 12 que estão disputando estas vagas. 

Quando fiz as entrevistas, tomei até um susto, pois um dos sujeitos selecionados era o Miguel de 24 anos e que foi um dos garotos que sempre me causaram problemas na escola. Mas nem liguei e fingi que não o conhecia, mas percebi que ele me reconheceu e ficou muito nervoso.

Chegando em casa, contei o fato ao meu namorado e dos problemas causados por ele na escola. E ele me disse:

"Então... Agora é a hora da vingança"!

Sinceramente ri e não dei muita ideia, pois estava vivendo um ótimo momento nem queria pensar sobre isso.

Na rotina no trabalho, os novatos estavam se virando para aprender as tarefas do trabalho. E existia uma grande disputa entre eles (a ponto de um 
dedurar o outro apontando os seus erros e falhas). E quando o Miguel sentia a minha presença, ficava muito nervoso e sempre dava um jeito de se afastar. Eu não estava nem aí pra ele.

Mas certo dia, o ouvi falando a seguinte frase entre os colegas:

Sabe gente, acho que não vou conseguir a vaga (ele achava que seria eliminado por mim)

Mas eu nem importava com ele.

Chegou o dia da avaliação e escolhemos os quatro. E o Miguel estava entre os escolhidos..

No dia seguinte, ele chega pra mim e diz:

Geovane posso ter uma conversa rápida com você?

Perguntei  se era alguma duvida sobre documentação, e ele respondeu que não!

Sabe, tenho que te pedir desculpas pelos problemas que causei pra você na escola.

Falei pra ele não se preocupar com isso, pois pra mim, isso já era uma página virada e que deveríamos olhar sempre pra frente.

Mas o tempo passou. 

O Miguel começou a se aproximar, tipo querendo ser  meu amigo. Mostrando álbum de fotos da sua filha e de sua esposa que estudou comigo e sempre dando um jeito de almoçar ao meu lado. 

E olha que já disse pra ele que  era gay e ele disse que já sabia.

Deixando de lero lero, vamos ao meu questionamento:

Será o que  sofri na adolescência pode ser chamado de homofobia? 

Pra quem já teve esses problemas, é comum que com o passar do tempo os algozes e vitimas acabam se aproximando e se tornam amigos? pois tudo não passou apenas de meras brigas na escola ?

Até mais!...

Poderá gostar também de:
Postado por Estagiario | (5) Comente aqui!

5 comentários:

  1. Boa noite. Sinceramente, não acredito nisso de se tornar amigo de algoz mas, só o tempo é capaz de colocar todas as coisas em seu devido lugar. Cara, não se preocupe que com o tempo, sem sombra de dúvidas, todos colhemos o que plantamos, seguindo ou não alguma religião e, com certeza, todos colhemos o fruto de nossas atitudes. Fica frio e deixe com o tempo que logo vc verá que todos aqueles que te magoaram serão cobrados pela vida, por suas atitudes. Cara, siga em frente, de cabeça erguida e não se preocupe com as pessoas que fizeram parte de seu passado.
    Rogerio. Rio de Janeiro.

    ResponderExcluir
  2. Geovanne, na fase pre- adolescente, e´muito comum brincadeiras entre aos alunos. Eu sinto que no seu relato, vc sente uma certa magoa do passado em relação a esse ``amigo``. Eu creio que vc estava `` èncanado`` de ser gay, naquela época, quando seus amigos nem estavam dando conta disso. A verdade e´que cometemos muito erros pela inexperiência (são meninos pre adolescentes) que com o tempo amadurecemos e reconhecemos os nossos erros. Eu acredito que não foi homofobia. E´muito natural nessa fase da vida, pre adolescente, a heteronormatividade que são ministradas pela sociedade a eles, a de não ver com bons olhos , a diversidade. Hoje, vc tem 23 anos e naquela época, com 15, faz 8 anos, onde a diversidade ainda não era conhecida tao bem, quanto hoje. Diversidade no sentido bem amplo: gordinhos, deficiente físico, afeminados, gays, os que usam oculos, etc.

    Certamente, o seu amigo de hoje, não e´mais aquele amigo do passado, e vc também, em certos aspectos, não e´,mais aquele garoto de 15 anos. Muitas experiências são vividas e muitos conceitos mudam o individuo com o tempo. Hoje, vocês são como pessoas diferentes., formação diferente e o que resta são somente lembranças do passado.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concordo com o Andy, menos que o cara era um "pré". Ele já era adolescente.

      Outros fatores que devem ser levados em conta são a localidade e as pessoas ao redor. Qualquer menino, por mais legal que ele seja, se estiver rodeado de homofóbicos e numa cidade pequena vai acabar se comportando desta forma. Quando ele amadurece e já não precisa mais de tanta provação ele tende a mudar.

      Enfim deixo meus parabéns para você e não para ele. Sua atitude foi louvável, meu caro.

      Excluir
  3. foi homofobia sim se te agrediram ou ofenderam tendo a sua homossexualidade como motivação, mas parece q vc superou o q é bom. Embora eu duvide da amizade desse cara, eu não daria tanta confiança.

    ResponderExcluir
  4. Sim, acho foram ataques homofóbicos, causados sim pela pressão heteronormativade, mas acredito que o cara pensou que vc faria o que seu namorado sugeriu, mas viu que vc foi correto profissionalmente, mesmo tendo a chance de fuder ele e com isso ele se sentiu constrangido pelo passado.

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...