sábado, setembro 13, 2014

CONFISSÕES DO DIVÃ




Os textos apresentados nesta seção buscarão ilustrar situações, angústias, problemas e experiências vivenciadas por alguns homens gays. Não existem experiências universais, comuns a todos os homens gays, cada um de nós é constituído e atravessado por diversas características que tornam a sua experiência única.  Nossa principal idéia aqui é pensar em possibilidades de enfrentamento para as questões aqui representadas, que em menor ou maior grau podem ser semelhantes com alguma das histórias vivenciadas por você. Essas histórias não são uma representação literal de histórias reais e sim textos fictícios.


O Dr. Alexandre é formado em Psicologia pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). Atua como psicólogo clínico no Espaço Recontar na região de São José / SC. Fundamenta seu trabalho pelos princípios da Psicologia Sistêmica. Compreender os fenômenos psicológicos sistemicamente significa, literalmente, “colocá-los” dentro de seu contexto, estabelecendo a natureza das suas relações.


Você pode fazer perguntas e sugerir temas que nosso psicólogo responderá com todo prazer.

Bem, vamos ao tema de hoje.



É possível amar dois Homens ao mesmo tempo? 

Alexandre de Souza Amorim, Psicólogo
alexandresouza.psicologo@gmail.com





Tenho um relacionamento estável de 8 anos. Moramos juntos, somos um casal feliz e eu o amo muito.  Porém, para minha surpresa, acho que estou amando outro homem também. Tudo começou quando este novo cara começou a trabalhar comigo a mais ou menos 2 anos. Saiamos depois do trabalho para tomar uma cerveja, depois para jantar e até pegávamos cinema juntos. Tudo em segredo é claro. Pois meu companheiro é bastante ciumento. No começo não achei que fosse acontecer alguma coisa, era apenas uma amizade e era isso que eu precisava e sentia falta. Envolvemos-nos, nos apaixonamos e enfim ficamos. E já era tarde, a convivência diária só nos aproximava ainda mais, fiquei muito confuso, pois amo meu parceiro... Mais confuso ainda estou porque sei que amo meu colega também. Como fazê-los entender? É possível amar dois Homens ao mesmo tempo?
Horácio, 38 anos



           

Oi Horácio. Pergunta polêmica essa hein?     

            Mas estamos aqui para ajudá-lo a entender o que acontece. Primeiro vamos nos livrar da cilada que a pergunta esconde, porque as conseqüências de qualquer resposta binária – sim ou não – devem considerar a existência de dois níveis de compreensão: a dos sentimentos e a da normatização social.         

            
A pergunta feita dessa maneira (É possível amar dois Homens ao mesmo tempo?) deixa o entendimento de que amar um cara e estar envolvido em um relacionamento amoroso seria a mesma coisa. E não necessariamente funciona assim. Muitos relacionamentos, namoros e até casamentos, estão baseados em razões que não são o amor. Podem escolher permanecer juntos por outras razões que vão desde a comodidade até um profundo bem estar em ter alguém com quem possa contar. E uma centena de outros motivos também.   

            
A sexualidade humana é regulada por mais do que simples instintos. Somos seres conscientes   e, portanto, na maioria das vezes regulamos nosso comportamento pensando em suas múltiplas conseqüências. Isso porque vivemos em sociedade, que é regida por severas convenções sócias. Regras que normatizam o que é certo e errado, e que no que tange nosso assunto determinam quantos parceiros alguém pode ter. Dependendo da sociedade, da época histórica e dos padrões culturais, esse número é variável.            

            
Nossa sociedade ocidental admite e respeita a monogamia. O amor por uma única pessoa. Porém o amor por um único parceiro é um comportamento relativamente recente na história da humanidade. Foi com o surgimento do amor romântico que o homem passou a permitir-se ter um único parceiro.


Logicamente, essa racionalidade não é suficiente para nos impedir de desejar outras pessoas. O desejo e a paixão escapam ao nosso controle, porém não precisamos sucumbir a todas as tentações, pois um relacionamento exige atenção e disposição para preservá-lo.

           

Respondendo a sua pergunta agora de maneira clara e direta: Sim. É possível.



Por exemplo, seu pai e sua mãe. Você os ama certo? De maneiras diferentes, mas ama duas pessoas. Com seus amigos não é diferente, estou enganado? De modos diferentes, mas ama duas (e até mais) pessoas. Pode variar na intensidade, ter aspectos e nuances diferentes, mas ama duas pessoas.           


Concluindo, quando falamos de sentimentos as coisas ficam mais complicadas, porque eles não são tão flexíveis as normas sociais. Eles têm movimentos próprios, são ilimitados potencialmente e livres do controle da vontade e, portanto, eles podem escolher mais de um cara.       


Mas nossa conversa ainda não terminou. Deveríamos complementar com a pergunta: É possível relacionar-se com mais de um Homem ao mesmo tempo?


É aqui que reside o problema. Manter dois relacionamentos é muito difícil e sempre alguém pode sofrer. É importante estar preparado para lidar com isso. Se você ama dois Homens e vive em uma sociedade monogâmica, terá de encarar um conflito entre seus sentimentos e os sentimentos dos outros caras envolvidos. Sua decisão precisa considerar o sentimento deles e também a compreensão de que será necessário algum nível de sacrifício e comprometimento com as conseqüências da escolha. Poderá ficar apenas com seu parceiro, relacionar-se com os dois ou ainda com nenhum deles, desde que esteja disposto a pagar pelo preço.







6 comentários:

  1. Otima explicaçao. Essa polemica e´aplicavel aos casais herossexuais tambem, de modo universal; e que corriqueiramente, acontecem.

    ResponderExcluir
  2. Confesso que sou contra. Nem sequer achava que o assunto merecesse uma discussão. Achava que era "semvergonhisse". Achava tudo isso, mas agora não acho mais. A explicação me fez pensar diferente, em muita coisa mesmo. Principalmente sobre como é importante entender melhor as coisas antes de julga-las. Obrigado Blog.

    ResponderExcluir
  3. É tão difícil aceitar isso. Ui! Preciso de terapia. Mas não é porque podemos amar mais de uma pessoal, que precisamos ou necessitamos nos relacionarmos com ela. Acho que se uma pessoa te satisfaz, você pode vivenciar os outros amores de outras maneiras, para que ninguém se machuque.

    ResponderExcluir
  4. Nunca aconteceu comigo. Acho que tive uma educação muito rígida, quanto a isso. Mas o que exigimos tanto não é respeito? Então vamos respeitar a diversidade de amores né? Texto lindo. <3

    ResponderExcluir
  5. É muito duro mas acontece mesmo e sentimento não se controla ou evita por vontade própria. Quase sempre é preciso escolher uma pessoa para manter relaciobamento e se afastar da outra.

    ResponderExcluir
  6. Muito Bom. Sou um leitor de Portugal e gosto muito das "Confissões do Divã". Obrigado por escrevem sobre temas tão importantes.

    ResponderExcluir