terça-feira, setembro 23, 2014

FOFOCAS,DECELEBRIDADES-GOSSIPS

Neil Patrick Harris e David Burtka refazem cena do espaguete de “A Dama e o Vagabundo”



Papel Pop

O multi-talentoso ator Neil Patrick Harris, nosso eterno Barney de “How I Met Your Mother”, está prestes a lançar a sua autobiografia, “Neil Patrick Harris: Choose Your Own Autobiography”, e para explicar e promover o livro ele preparou um comercial bem legal!

O livro e o comercial funcionam assim: quem escolhe a história que vai acompanhar é você! A gente explica melhor, é que o Neil não quis fazer uma autobiografia que pudesse ficar chata ou cansativa, então ele a preparou aos moldes dos livros infantis do tipo “escolha sua própria aventura”, em que o leitor toma algumas decisões e pode modificar o final da história.
 
A cara do Neil fazer uma autobiografia tão diferente, né? Não por acaso, o comercial do livro é repleto de várias cenas diferentes que você pode assistir, desde o Neil fazendo mágica até ele refazendo a cena de “A Dama e o Vagabundo” com o marido David Burtka, com quem se casou há alguns dias.



O livro do Nial vai ser lançado lá nos EUA no dia 14 de outubro. Apesar de todo o clima de brincadeira, o livro vai falar de assuntos sérios como as dificuldades que ele passou para lidar com sua sexualidade e para conseguir ter os filhos com David Burtka.




Hoje Eu Quero Voltar Sozinho vai representar o Brasil no Oscar 2015

Romance teen vai para o Oscar

O Ministério da Cultura (MinC) divulgou nesta quinta-feira, na Cinemateca Brasileira, em São Paulo (SP), que “Hoje Eu Quero Voltar Sozinho”, do diretor Daniel Ribeiro, concorrerá a uma vaga na categoria de melhor filme estrangeiro no Oscar 2015, que rola no dia 22 de fevereiro, em Los Angeles, Estados Unidos. O filme foi escolhido entre 18 títulos nacionais.

Entre os quatro filmes brasileiros que concorriam no Festival de Berlim deste ano, “Hoje Eu Quero Voltar Sozinho” foi o único a receber prêmios, ganhando o Teddy Bear, para filmes de temática homossexual, e um prêmio da crítica, além de receber a segunda nota mais alta de avaliação do público.

O anúncio foi feito pela ministra da Cultura, Marta Suplicy, logo após a reunião da comissão especial. “A obra eleita nos oferece uma história original, roteiro bem defendido, com linguagem universal e é também uma obra de alta sensibilidade, que aborda a temática adolescente em situações extremas. Fico feliz com a seleção, nos tira de situações com ‘cara de Brasil’, tem uma linguagem universal, com uma história que pode ocorrer em qualquer país, em qualquer lugar”, disse Marta.



Se estivesse vivo Freddie Mercury completaria hoje 68 anos



Chay Suede




O novo queridinho do Brasil, o ex Rebelde Chay Suede, está escalado para viver Rafael, o filho do casal de lésbicas vivido pelas estrelas Fernanda Montenegro e Nathalia Timberg, em Babilônia. O jovem sofrerá preconceito por conta da relação das duas mães, que o adotaram. Rafael é neto da personagem de Nathalia, Estela, que perdeu a filha e sem saber quem era o pai acabou cuidando do neto com sua companheira, Tereza.

O ator encantou na primeira fase de Império e deixou o público encantado e ansioso para sua próxima aparição.


Heim? Cantora do duo russo T.A.T.U. diz que não aceitaria filho gay e destila homofobia na TV russa.




Nos anos 2000 elas causaram. A dupla russa T.A.T.U., formada pelas cantoras Julia Volkova e Lena Katina chocava com longos beijos  em seus videoclipes e estouraram em todo o mundo ao som pop de “All The Things She Said” e “Not Gonna Get Us”. Anos depois elas assumiram que tudo não passou de encenação das personagens criadas pelo produtor Ivan Shapovalov. A banda chegou ao seu auge e sumiu depois da separação da dupla.
 
As duas fizeram uma reaparião na abertura das Olimpíadas de Sochi no início do ano, ao meio da polêmica lei de propaganda gay russa. Na semana passada, em um programa de televisão russo, Julia Volkova chocou os fãs da banda ao afirmar que não aceitaria ter um filho homossexual. E deu ainda a declaração homofóbica:  “Eu o condenaria PIS acredito que um homem sério deva ser um homem sério. Deus Criou o homem para a procriação, é a natureza. O homem, para mim, é o apoio, a força... Não aceitaria um filho gay”, disse a cantora.
 
Mas ela defende o amor entre mulheres: “Duas mulheres não são o mesmo que dois homens juntos, Me parece que as lésbicas ficam melhores do que dois homens de mãos dadas ou se beijando”, afirmou ela. Para piorar ela ainda afirmou: “Tenho muitos amigos gays e acredito que ser gay é melhor do que ser assassino, ladrão ou viaciado em drogas. Se for escolher entre estas hipóteses, ser gay é melhor um pouquinho do que o resto”.
 
Será que o retorno da dupla e as declarações foram pressão do governo? Pois a participação delas em Sochi era um recado de que a lei da propaganda gay não impedia a felicidade dos gays ao ponto das cantoras serem escolhidas para representar o país, depois, a cantora dá uma declaração destas na TV estatal.


Trilha Especial: Jennifer Lopez - "Booty" ft. Iggy Azalea



Trilha Especial: "Monument" com Röyksopp & Robyn


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...