Slide 1 Slide 2 Slide 3

NOTICIAS DO MUNDO GAY

EUA: Eleitores se sentem mais confortáveis com um candidato a presidente gay do que com um evangélico.




Uma pesquisa da WSJ/NBC que listou as características de presidenciáveis para mil eleitores no mês de abril, descobriu que um candidato assumidamente gay ou lésbica sofreria menos rejeição do que um candidato evangélico. Com respostas como “ficaria entusiasmado”, “sentira confortável”, “teria alguma ressalva” ou “ficaria muito desconfortável”, a pesquisa queria estudar o perfil do candidato ideal para as próximas eleições do próximo ano. 

Segundo a pesquisa, 61% os entrevistados se disseram entusiasmados com a candidatura de um homossexual assumido, e 37% afirmaram que teriam alguma ressalva ou se sentiriam desconfortáveis com a candidatura de um gay ou lésbica para presidente dos EUA. Já a um candidato evangélico, 51% se mostraram entusiasmados, enquanto 44% rejeitaram a candidatura.

A pesquisa demonstra para uma grande mudança na imagem do homossexual na política país. Em 2006, uma pesquisa similar apontou que apenas 43% apoiariam um candidato abertamente homossexual ao cargo mais importante do país. Outras características com rejeição na pesquisa são a falta de experiência, a falta de diploma universitário e ser líder partidário!

Condenado à morte por ser gay, vítima ganha abraço de executor do EI.




Essa não é a primeira vez que o grupo jihadista Estado Islâmico comete a barbaridade de assassinar alguém baseado na condição sexual da pessoa. No entanto, uma imagem começou a circular nas redes sociais e chamou a atenção por mostrar um condenado ganhando um abraço apertador de seu executor.

A imagem é fruto de um vídeo divulgado pelo próprio Estado Islâmico na internet. Não se sabe qual o objetivo do grupo ao divulgar o abraço, mas impressiona a calma do executado e também a presença de um grande público para assistir à cena.

Sobre a calma, um desertor do grupo contou em entrevista recente que as vítimas são enganadas e nunca sabem quando vão morrer. Por acharem que se trata apenas de uma simulação, elas apresentam sempre um semblante calmo antes das execuções começarem. Esse pode ser o motivo do polêmico abraço.

(Comentario do Andy: Sera que estou errado em dizer que RELIGIAO e´a causa de todas as guerras e sofrimento humano, desde o principio da civilizaçao  humana?).

Diretora de escola na Inglaterra é ameaçada de morte após se posicionar contra homofobia.


Sarah Hewitt, diretora da escola primária Anderton Park, diz que “Cavalo de Troia” não acabou



A diretora de uma escola em Birmingham, na Inglaterra, revelou uma “nova conspiração” nas escolas britânicas depois de receber ameaças de morte por ter se posicionado contra a homofobia. Após o polêmico caso “Cavalo de Troia”, no qual um documento anônima orientava militantes islâmicos a tomarem frente dos conselhos administrativos das escolas estatais e colocar em prática valores islâmicos, a diretora denunciou a existência de “uma nova campanha de intimidação”.

Além das ameaças de morte contra diretora, animais mortos foram colocados no pátio de outras três escolas públicas como forma de coação. Segundo informações da Associação Nacional de Diretores, extremistas linha-dura de fora das escolas seriam os responsáveis pelos atos.

“Cavalo de Troia não desapareceu. Sabíamos que era apenas a ponta do iceberg. Ainda temos animais mortos pendurados nos portões das escolas, gatos desmembrados no pátio. Temos pessoas de fora da escola se opondo aos professores que ensinam contra homofobia. Recebemos ameaça de morte no Facebook contra mim ou ‘qualquer diretor que ensine meu filho que está tudo certo em ser gay acabará na minha espingarda’ ”, afirmou Sarah Hewitt, diretora da escola primária Anderton Park, que já informou à polícia e ao Ministério do Interior sobre o ocorrido.

Durante uma conferência em Liverpool, representantes da entidade criticaram a ação do governo na condução do caso “Cavalo de Tróia”, o que, de acordo com eles, facilitou o surgimento do novo problema. Os representantes querem que o poder público forneça uma base de dados com detalhes sobre coordenadores de escolas que não devem ser autorizados a exercer o cargo.

Cerca de 100 professores foram suspensos e estão sendo investigados no inquérito dedicado à Cavalo de Troia, aberto no ano passado, por envolvimento no exercício de práticas exclusivas. A investigação identificou colégios nos quais disciplinas consideradas “não islâmicas” foram retiradas do currículo, além da segregação de gênero que fez com que meninas foram deixadas de fora de diversas atividades.

“Não há lugar para o extremismo nas escolas continuaremos trabalhando para eliminar qualquer forma dele. Temos tomado medidas para remover pessoas das escolas que não sigam os valores Britânicos. Isso envolveu um pequeno número de pessoas e eles (os investigadores) foram muito determinados”, afirmou a secretária de educação.

Vaticano vai continuar ignorando embaixador francês gay.


Vaticano faz a pêssega para Stefanini



O Vaticano não pretende dar declarações oficiais sobre o quiproquó envolvendo a indicação de Laurent Stefanini, gay assumido, como embaixador da França no país do Papa. Ele foi designado há cinco meses para ocupar o cargo na Santa Sé, mas o país nunca obteve uma resposta oficial à indicação.

"De nossa parte, seguirá o silêncio. O governo francês deveria compreender que não mudaremos de ideia", disse uma autorizada fonte vaticana à agência ANSA. Nunca houve uma declaração oficial sobre o tema e não há registro de nenhuma conversa oficial entre o Executivo francês e secretaria de Estado vaticana. Desta maneira, a postura do governo local é mostrar sua intenção de não conceder o lugar a Stefanini.

A tensão entre os dois Estados se transforma em um estancamento que, se não for indicado o nome de outra pessoa, terá o real risco da posição em Villa Bonaparte, sede da representação diplomática na Santa Sé, ficar vazia.

Homofobia em Madri motiva cartazes com beijo gay no metrô.




No mês passado, no domingo do dia 26, quatro amigos gays que andavam abraçados foram perseguidos por homofóbicos no bairro gay de Chueca, em Madri, e agredidos por três vezes! Depois de serem atacados e chamados de “viados”, as vítimas fugiram até a frente de uma boate e mais uma vez foram agredidos na cabeça pelos mesmos dois homens. Ao irem a uma delegacia registrar a ocorrência, eis que foram agredidos novamente pelas mesmas pessoas. Entre uma agressão e outra, policiais ainda pegaram os dados dos agressores que não se intimidaram e voltaram a perseguir as vítimas.

Segundo a entidade LGBT espanhola Arcopoli, o número de casos de homofobia cresce no país, especialmente na capital, por conta da entrada de refugiados de países em conflito na África. O Metro de Madri já teria registrado diversos casos de homofobia e foi ponto de um beijaço gay este ano. Para tanto, a entidade em parceria com o Metro de Madrid desenvolveu uma campanha para barrar a homofobia crescente. Cartazes com beijos gays e frases sobre igualdade e respeito serão espalhadas nas estações da capital espanhola a partir deste mês.

 Ameaças a gays em tom religioso são pichadas em banheiro de universidade.




Na Universidade Federal de Viçosa, em Minas Gerais, uma série de pichações homofóbicas um banheiro da instituição aponta para uma urgente necessidade de atenção ao combate da homofobia nas universidades brasileiras. Se auto denominando MHC – Movimento Contra os Homossexuais, nas frases escritas por caneta marcadora azul, os autores desconhecidos dizem: “Todas as bichas vão para o Inferno”, “Nós vamos exterminar os boiolas de Viçosa”, “Odiamos viados, vocês vão todos para o inferno, bichas promíscuas e escrotas” e ainda “Agrida um homossexual e garanta um lugar no céu”. As inscrições trazem ainda contexto bíblico e religioso que apontam as motivações dos autores das inscrições. O banheiro vandalizado foi o banheiro masculino do espaço multiuso do Centro de Vivência, sede do movimento estudantil da Universidade Federal de Viçosa.
 
Nos últimos anos, as universidades brasileiras foram palco de diversos crimes homofóbicos como o recentemente registrado em São Carlos, em São Paulo, onde um aluno teve o rosto cortado por vidro depois de agredido pelo namorado de uma estudante com quem se desentendeu e foi xingado por ser gay, depois de pedir silêncio na sala de aula. No crime, outros alunos cercaram o rapaz e destacaram o fato dele ser homossexual antes de jogá-lo contra uma vidraça que provocou os cortes em seu rosto e cabeça.

Confira algumas das imagens denunciadas no Facebook por alunos da UFV:


 


Poderá gostar também de:
Postado por Andy | (2) Comente aqui!

2 comentários:

  1. Olá Andy! Finalmente, depois de quase 1 mês, consegui entrar em contato com vcs. Acho que o meu computador está com algum problema e já falei com um técnico, amigo meu, para vir dar uma olhada nele. Respondendo à sua pergunta acima sobre religião, respondo a seguir:

    Não. Vc não está errado, tudo vem acontecendo e há milênios, devido a má interpretação que se deu aos evangelhos. Aliás, o papa Gregório IV (se não estou enganado), criou propositadamente a alteração na religão, por interesse próprio e ganância nos lucros que a Igreja obteria com isso. São Francisco de Assis foi uma das vítimas dele, após sua expulsão com frades seus seguidores do templo e acabou sua vida numa montanha, na Itália. A Cruzada, também deveu-se ao papa Urbano II (1095-Séculos XI e XIII), que queria acabar com os palestinos e ficar de posse do Santo Sepulcro, mas, todo o tesouro do templo e para isto, assassinou muitos judeus naquele tempo. Só não conseguiu o seu intento, porque Saladino I sultão do Egito e da Síria, esmagou os cristãos em Tiberíade, entrando em Jerusalém em 1187.Porque vc acha que até hoje a Igreja não deixa o padre se casar? Consulte alguns livros a respeito e amigos interessados. O Imperador Constantino, também, foi um dos que pregou a caça aos homossexuais naquela época, em Constantinopla, usando o evangelho como arma, mesmo a sua mãe (dele) Santa Helena, ser uma devota ferrenha. Vc está mais do que certo e outros que pensem assim. Se os grandes daqueles tempos, pensassem melhor e com justiça, acredite, não veríamos e nem ouviríamos os absurdos dos tempos atuais. O pastor e criador de toda esta guerra contra os homossexuais, Bispo Macedo, está lançando a 3ª edição de mais um livro que vem enriquecendo-o bastante, ao ponto de ser um dos homens bilionarios no mundo. Seus seguidores, (os crentes) estão aí, ralando, comendo o pão que o diabo amassou, salvo quando este seguidores são abastados, morando em flats, luxuosas coberturas, etc. Estes pastores são tão bonzinhos que não dispensam o dízimo nem daqueles que mal conseguem um pão para o café da manhã e muito mais coisas acontecem, que deixo de digitar aqui, por vergonha. Falta ao povo brasileiro e com raríssimas exceções, estudo, botar o juízo para funcionar diante deste mercadores do evangelho. O pastor Malafaia (que revela em suas falas, o nojo e ódio que tem dos homossexuais), bem como o outro que é vereador e foi amante do ator de cinema e hoje ator pornô, Alexandre Frota e os demais, são tudo farinha do mesmo saco.

    Abraços extensivos aos meninos inteligentes e fora de série deste blog.

    Pedro A. Machado

    ResponderExcluir
  2. Pedro, realmente , senti a sua falta. Quase escrevi " cade o Pedro ?" Num dos comentários.
    A religião cristã passou por várias reformas e, inclusive a sua bíblia. Em imagens dos concílios foi definida o que e a seus bíblia e no último capítulo, colocaram um versículo, na qual uma maldição de quem alterar uma palavra, úm til, ou mesmo uma vírgula, nos entraria no reino dos céus. Ou sejá, eles mesmo "adequaRAM" a bíblia conforme suas intenções.

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...