Slide 1 Slide 2 Slide 3

Minha primeira vez



Galera o relato de hoje e do Pablo namorado do Dino que nos conta como foi a sua primeira vez e se essa primeira vez foi marcante.



E aí Estagiário tudo bem? 

Desculpe pela demora em responder, mas o único culpado foi o Dino que esqueceu de me avisar.
A minha primeira vez foi até legal e aconteceu na casa de um "colega" de escola. O sexo em si foi bem prazeroso apesar da dor na hora da penetração.


Em relação ao sexo foi bom, mas infelizmente meu colega contou para outras pessoas e foi a partir desse momento que começou os meus problemas.

Segue o relato.

Fui fazer trabalho na casa de um amigo Chegando lá... 

Ele já estava me esperando no portão e me pediu para entrar. Pediu-me para ficar no seu quarto enquanto preparava uma limonada. Fiquei dando uma olhada nos livros e pesquisando sobre o assunto que seria o tema daquele trabalho.

Estranhamente, ele entra no quarto com três livros. E... Umas cinco revistas eróticas.
-“Pablo já viu essas revistas”?
-‘Não’.
-“Cara... Só tem mulher boa... Vou dar uma olhada”!
Peguei, e dei uma espiada...

-“É... São boas mesmo” (Nota: falei sem a menor animação)
-“Já imaginou você com essas gatas metendo o dia todo”?
-‘Bem... Seria bom, mas..., Vamos deixar isso para lá e fazer o trabalho, OK?’

Comecei a fazer o rascunho e nada dele cooperar para terminamos o trabalho. E ele só olhando para as revistas...
-‘Puxa, você vai ajudar ou não’?


-“Espera aí”!...

Num relance totalmente pornográfico e estimulante, ele começa a pegar uma das revistas para se masturbar, dizendo que “só assim poderia ter algumas daquelas mulheres”.


-
‘Cara, tu tá maluco? Vamos fazer logo este trabalho?
-“Pablo, posso te fazer uma pergunta”?
-‘Sim’.
-“Você é gay”?
-”‘Claro que não”!

-“Será mesmo? Naquele dia na festa você estava me olhando bem estranho”...
-‘Imaginação sua! Bem, acho que já está na hora de ir embora. Pelo visto este trabalho foi para o brejo”!...
Levantei e fui até a porta (que por sinal estava trancada) e pedi para que ele a abrisse.
-‘Cara, abre esta porta, eu quero sair’!

-“Tudo bem. Mas você não saber o que esta perdendo”?

(Com a mão enfiada dentro do short ele dizia...).
-“Olha... Olha como está durinho. Doidinho pra comer um cuzinho... Dá para mim, vai? Só vou colocar a cabecinha, e não vai doer nada”!

Fiquei mudo. Não conseguia dizer nada.. Ele foi chegando perto de mim e começou a me sarrar e encostar o seu pau na minha mão, me mandando dar uma pegadinha... Nossa! Eu já estava super excitado!...
Ele começou a tirar o meu short e na primeira vez eu subir ele de volta.
Sem dizer uma única palavra, ele começou a tirar de novo. E desta vez, não demostrei nenhuma resistência. 

E, tudo que tinha de ser, acabou acontecendo.
Poderá gostar também de:
Postado por Estagiario | (0) Comente aqui!

0 comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...