Slide 1 Slide 2 Slide 3

MINHA VIDA GAY

Bandeira do Arco Iris e os direitos gays.




Faz 37 anos que a bandeira do arco iris foi usada pela primeira vez em uma Parada do Orgulho Gay no mundo e se torno um forte símbolo na luta pela igualdade de direitos para a comunidade gay mundial.

Tudo começou em San Francisco, claro! O movimento gay crescia muito, graças a Harvey Milk e outros militantes e por isso precisava de um símbolo forte e cheio de significado e baseado nos hippies da época onde o arco íris representava a Paz, adotaram a bandeira do arco iris.

Inicialmente a bandeira do arco iris tinha 8 cores, mas por motivos comerciais e pensando em diminuir o preço, as cores rosa e azul claro foram removidas, deixando apenas as 6 cores que temos hoje.

Há outras versões da bandeira do arco iris, algumas com 7 cores incluindo algumas com a cor preta, para incluir os gays que morreram pela AIDS ou ainda com símbolos de países, para representar essa região, ou até mesmo com um urso para representar os bears ou a leather com barras azuis e negras.

Significado das cores da bandeira do arco iris:



Rosa: Sexualidade
Vermelho: Vida
Laranja: Saúde
Amarelo: Sol
Verde: Natureza
Azul: Harmonia
Roxo: Espírito


A bandeira do arco iris representa muito para nós gays. De um comércio gay friendly a luta por igualdade de direitos. A representatividade é enorme, apesar de ser um simples símbolo, me arrepia até hoje ver a bandeira gay estendida na Avenida Paulista em cada Parada Gay, enorme, imponente… Passar por baixo dela e ver a alegria e sorrisos contagiantes.

Além de alegrias, a bandeira do arco iris representa também as tristezas de uma parte da população perseguidas nos dias atuais, sempre tratada com desdém por governantes e principalmente pela ala religiosa que se julga detentora das Verdades do Universo.

Parabéns a Bandeira do Arco Íris, na luta por um mundo melhor e igual para todxs.

Chamado de gay por dançar, adolescente supera a homofobia e arrasa na TV.




Ele tem apenas 14 anos e, assim como muita gente pelo mundo, já sofreu com a homofobia simplesmente porque gosta de dançar. Mas o bailarino Jack Higgins deu a volta por cima e mostrou seu talento no palco do “Britain’s Got Talent”, ao som da música “Say Something (I’m Giving Up on You)”, da dupla norte-americana ‘A Great Big World’.

No palco do programa, o adolescente encantou a plateia ao revelar que seu amor ao ballet fez com que ele fosse vítima de bullying por parte de seus colegas de classe. “As pessoas me chamavam por nomes. Ficavam me intimidado, dizendo que eu era gay e que eu dançava como uma menina, e que ballet era para as meninas”, disse Jack, visivelmente emocionado.

“Você sabe a única coisa que os bullies não gostam? Eles não gostam quando você faz bem. Eu posso ver o quão duro você trabalhou para este momento e quero parabenizá-lo, Jack”, disse Simon Cowell, jurado do programa.

Jack conquistou o “sim” de todos os jurados do programa.



Casal gay manda convite de casamento e recebe resposta homofóbica assustadora.




Aí você encontra o grande amor da sua vida e decide dar um grande passo: o casamento. Na correria para os preparativos da festa você tem que decidir o que vai servir na hora do jantar, as roupas que vai usar, a música que vai tocar e, claro, os convidados que vão celebrar esse dia especial que tem tudo pra ser o mais perfeito.

Foi exatamente esse percurso que os americanos Keith e Chad fizeram. Mas eles não contavam que teriam que enfrentar as ameaças de um convidado homofóbico, que respondeu o convite com uma carta transbordando ódio. Confira!

´´Olá, Keith Alan e Chad Michael,

Gostaria de informar que vocês convidaram as pessoas erradas. Vocês pensaram que nós apoiamos o casal, bem, garotos, vocês estão completamente errados!

Seus convites foram encaminhados para um grupo anti-gay da área de Canton Akron, e eles irão ao seu casamento. Haverá um protesto. Não é normal dois homens se casarem.

O que há de errado com vocês? Isso é pecado!!!

Alguns dos seus amigos só estão indo ao casamento para ajudar no protesto. Gostem ou não, isso vai acontecer. Esse dia estará arruinado para vocês. Será um espetáculo divertido de assistir. Vocês dois receberão o que merecem. NOS VEMOS NO ESPETÁCULO ANTI-GAY!!!

O casal postou a carta na internet e receberam respostas animadoras e cheias de amor de amigos de verdade. Como resposta ao ódio da carta, uma igreja local resolveu oferecer ao casal um “Chá de cartas”, no qual é possível enviar correspondências de felicitações ao casal. Apesar das ameaças, as respostas não fizeram o casal desistir do sonho do casamento.


Casal gay consegue guarda da filha  gerada por barriga de aluguel.


Casal e a filha Carmen, que agora ficará definitivamente com eles


O norte-americano Gordon Lake conseguiu a guarda de sua filha Carmen, de 15 meses (gerada por barriga de aluguel), na terça-feira, 26, após longa batalha judicial.

Lake vai deixar a Tailândia com a filha para se reencontrar com seu companheiro, Manuel Santos, e o outro filho do casal, Alvaro, que estavam na Espanha.

Segundo a Agência Associated Press, desde o nascimento de Carmen, em janeiro do ano passado, Lake e a filha viviam escondidos no país temendo que Patidta Kusolsang, a mulher que gestou a criança, a tomasse de volta.

“Sim, nós vencemos”, disse Lake após a decisão que lhe garantiu a custódia de Carmen. “Nós estamos muito emocionados. Nós sempre soubemos que nossa história teria um final e feliz e não podemos esperar para que nós quatro fiquemos juntos novamente.”

Patidta gestou um ovo gerado a partir do esperma de Lake com o óvulo de uma doadora anônima. Após o nascimento de Carmen, a mãe de aluguel entregou a criança a Lake no hospital, mas depois alegou que achava estar ajudando a um casal “legítimo” e pediu a Carmen de volta ao descobrir que se tratava de um casal gay. O caso foi julgado pela Corte Central Juvenil e de Família em Bancoc, capital do país.


Poderá gostar também de:
Postado por Andy | (0) Comente aqui!

0 comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...