Slide 1 Slide 2 Slide 3

NOTICIAS DO MUNDO GAY

Seicheles descriminaliza  sexo gay.


Proposta foi apresentada pelo presidente do país



Seicheles descriminalizou o sexo gay na quinta-feira, 19. Segundo agência de notícias estatal, os legisladores votaram para alterar o código penal que condenava gays a até 14 anos de prisão.

A mudança torna o país um dos poucos da União Africana que não pune a homossexualidade masculina.

O presidente do país, James Michel, lançou a proposta em fevereiro e disse que os parlamentares poderiam votar de acordo com sua consciência. Dos 28 parlamentares, votaram a favor da descriminalização e outros 14 se abstiveram.

Seicheles é composto por 115 ilhas tropicais no meio do Oceano Índico e próximo à costa da África Oriental. Segundo as estatísticas, cerca de três dos quartos dos habitantes são católicos.

Manny Pacquiao: Boxeador homofóbico consegue  cadeira no Senado das Filipinas.


Atleta disse que gays são piores que animais


O boxeador Manny Pacquiao conseguiu uma das 12 cadeiras do Senado das Filipinas. Campeão mundial de peso leve, o atleta, que teve mais de 13 milhões de votos, declarou: “Posso me concentrar e me disciplinar, a maneira como eu fiz no boxe para ajudar a nação.”

Pacquiao ganhou repúdio da comunidade LGBT internacional ao dizer que gays e lésbicas são piores que animais. Depois, ele tentou consertar, mas não convenceu, e continuou com declarações preconceituosas, se dizendo contra a união homossexual. A Nike cancelou o patrocínio ao atleta por causa disso.

Observatório Espanhol Contra a LGBTfobia faz denúncia contra Daniel Carriço.




Na final da Taça do Rei, que opôs o Futebol Club Barcelona contra o Sevilha Futebol Club, que decorreu no passado domingo, 22 de Maio, o português Daniel Carriço terá alegadamente insultado o árbitro Carlos del Cerro, chamado-o de "maricas". O Observatório Espanhol Contra a LGBTfobia apresentou uma denúncia contra o jogador esta segunda-feira, 23 de Maio.

Já no final da partida entre o Barcelona e o Sevilha o médio português foi expulso alegadamente por insultos ao árbitro. Nesses insultos terá chamado de "maricas" a del Cerro. O Observatório Espanhol Contra a LGBTfobia apresentou uma queixa contra Carriço por alegados comentários homofóbicos à Comissão anti-Violência estatal contra a Violência, Racismo, Xenofobia e Intolerância no desporto.

Em comunicado o presidente do Observatório, Paco Ramírez, afirma que "Este acto verdadeiramente vergonhoso e condenável é punível nos termos da Lei do Desporto (Lei 19/2007), e como já temos vindo a dizer há algum tempo, estas situações ocorrem diariamente em todos os estádios espanhóis sem que as autoridades desportivas e equipas de futebol façam nada para erradicar este flagelo da homofobia no futebol em Espanha ". A queixa não foi apenas feita contra o jogador, mas também contra o clube de Sevilha.

O Barça saiu vitorioso do encontro, vencendo o Sevilha por 2 a 0, ganhando assim a sua 28.ª Taça do Rei.

Eduardo Paes diz que não é  gay em entrevista a rádio.


Paes disse que Rio de Janeiro é uma cidade aberta a todos

Em entrevista ao vivo, na rádio O Dia, o prefeito do Rio de Janeiro, Eduardo Paes, foi questionado se era gay.

A pergunta foi feita por uma ouvinte que questionou quando ele sairia do armário. Paes disse que não é homossexual. Mas que se fosse não teria nenhum problema em assumir.

O prefeito condenou a homofobia e disse que para administrar uma cidade como o Rio de Janeiro é preciso saber respeitar as escolhas dos outros, as diferenças, a religião e a orientação sexual. “Ódio e preconceito não combinam com o Rio de Janeiro que sempre foi uma cidade aberta. É uma característica do Rio. Uns gostam de funk e outros de samba”, declarou Paes.

Ativistas ocupam Câmara e fazem beijaço na frente de Feliciano e Bolsonaro.




Durante audiência pública realizada nesta terça-feira (24), artistas e ativistas culturais ocuparam o plenário da Câmara dos Deputados, onde estavam presentes os deputados Marcos Feliciano (PSC-SP), Eduardo Bolsonaro (PSC-SP) e Jair Bolsonaro (PSC-RJ).

Em homenagem aos deputados homofóbicos, um casal de ativistas realizou um beijaço que foi aplaudido pelo público presente. Além do beijo, os manifestantes entraram no local com cartazes escrito “Fora Temer”, “Cultura Contra o Golpe no Brasil” e “Temer Golpista”.





Poderá gostar também de:
Postado por Andy | (0) Comente aqui!

0 comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...