Slide 1 Slide 2 Slide 3

DICAS DE SAÚDE



O Homem e o Pênis

 

Pênis e a ereção estão ligados a contextos socioculturais antigos e profundamente enraizados no meio em que vivemos.
Em nossa sociedade, o homem é moldado como “o macho”, e mais ainda, é criado como “um pênis”.
Apesar de uma aparente intimidade com seu pênis, chegando mesmo a batizá-lo com nomes próprios e apelidos, a maioria desconhece o mais básico sobre o seu “funcionamento”.
O pênis nunca é visto como um órgão a mais do organismo, jamais como um fígado ou um rim. O pênis é uma “máquina”, “uma obra de arte”, “uma decepção”, “uma arma”, “um cetro”, símbolo de força e poder.
Confrontados diante da mulher atual, forte, objetiva e determinada, os homens acuados, ainda insistem em procurar no pênis, sua fonte de força. É muita responsabilidade para tão pequena porção de carne. Aqui nos deparamos com outro ponto fundamental: o terno pequeno.

O Tamanho do pênis

 
Muitos homens consideram ou já consideraram, em alguma época de sua vida, o seu pênis pequeno. É oportuno, discutir essa angustiante impressão, pois o tamanho do pênis e uma fonte interminável de preocupação para o universo masculino. Tal preocupação deve-se ao fato de que o tamanho do pênis, sempre foi associado, desde as eras mais remotas, à fertilidade, força e poder....

Os homens têm uma tendência a acreditar que as mulheres dão extremo valor ao tamanho do pênis.  No entanto, em sua grande maioria, as mulheres costumam estar bem mais interessadas em outras qualidades, tais como o caráter, o cuidado com a aparência, fato de ser atencioso, agradável, carinhoso, companheiro, etc.
Está comprovado que o tamanho do pênis nada tem a ver com virilidade, potência ou com a capacidade de satisfazer sexualmente uma mulher.


A constituição elástica da vagina, mobilizada pêlos estímulos sexuais, permite que a mesma se adapte aos mais diferentes tamanhos de pênis. Além disso, as áreas erógenas da entrada da vagina e a do clitóris, alcançadas por um pênis de qualquer tamanho, são as mais sensíveis.  A parte mais profunda da vagina, que seria alcançada por um pênis maior, é praticamente desprovida de sensibilidade erógena.
O receio de que seu pênis seja considerado pequeno em uma primeira relação sexual, com uma nova parceira, atemoriza alguns homens. Tal preocupação pode vir a ser causa de falta de ereção.
É importante divulgar que a esmagadora maioria dos homens que procuram um urologista com queixas de ter o pênis pequeno possuem medidas consideradas absolutamente dentro dos parâmetros normais para um adulto.
O tamanho do pênis é extremamente variável de homem para homem e isso nada tem a ver com a constituição física do indivíduo.
A obesidade, contudo, faz com que o aumento do tecido adiposo (gordura), na região pubiana, esconda uma certa porção do pênis, dando a impressão de que o mesmo é menor.

De acordo com séries descritas por diversos autores, o tamanho médio do pênis em adultos  varia de seis a doze centímetros quando flácido e de treze a dezoito centímetros de comprimento, quando em ereção. Tais parâmetros, contudo, sofrem variações entre os diversos grupos estudados.
O pênis, para ser considerado patologicamente reduzido, deve ter medidas inferiores a quatro centímetros em estado flácido e a sete centímetros em ereção.
O fato de considerar o seu pênis pequeno inibe e conseqüentemente, prejudica a prática sexual sadia de um número enorme de homens.
O trauma emocional, desencadeado pela auto-imagem negativa do pênis pequeno tem origens profundas. Tal situação é provocada por conceitos e informações erradas recebidas, pelo menino, desde a mais tenra idade.
O crescimento pênis é bastante lento até a puberdade, quando ocorre um maior desenvolvimento, até a idade adulta. O excesso de preocupação dos pais, examinando repetidamente o filho, pode gerar uma certa ansiedade, pois o crescimento do pênis, certamente não ocorrerá com a velocidade esperada. Se um menino comparar o seu pênis com o de outro que se encontre em uma fase mais adiantada de desenvolvimento, independente de terem ambos a mesma altura, certamente, também, ficará decepcionado.
Revistas especializadas e filmes eróticos também contribuem para que temores infundados ganhem força na mente masculina. Nestes casos, os atores são, geralmente selecionados em função de certas características dos órgãos genitais. Além disso, o ângulo das fotos e as tomadas da câmera realçam o tamanho do pênis. Considerando esse tipo de “marketing negativo”, as antigas civilizações eram bem mais favoráveis ao homem. Ao comparar-se com as belíssimas estátuas gregas e romanas, provavelmente, todos ficavam satisfeitos(vide  estátua de Orestes e Eletra no topo da página).

Bomba peniana

 

Normalmente está acoplado ao cilindro uma espécie de mangueira, semelhante a de um aparelho de medir pressão. Este é o dispositivo usado para bombear.

A bomba peniana cria um vácuo parcial em torno do pênis, dando a sensação que o pênis está sendo sugado. Isso gera fortalecimento e desenvolvimento peniano.

Um usuário que não quis se identificar deu o seguinte depoimento: "funciona cara, faz 2 anos q uso, uns 20 min por dia qdo da, aumentou uns 3cm e engrossou mais que aumentou, tem q ter paciência, não é do dia pra noite".

Segundo o Dr. Paulo Tessarioli, a bomba peniana funciona, mas a finalidade da bomba peniana, ou bomba a vácuo, é melhorar a vascularização do pênis, o que gera bons resultados na hora da ereção. Porém, não é para ser usada sem prescrição e orientação médica, pois pode sim trazer problemas.

Cirurgias para aumentar o pênis

 

A cirurgia para aumento do pênis, em nosso país, ainda é considerada um procedimento experimental, de acordo com a resolução 1478/97 do Conselho Federal de Medicina. Assim sendo, só pode ser realizada de acordo com as normas da resolução 196/96 do Conselho Nacional de Saúde, que regulamenta a pesquisa envolvendo seres humanos.
Além do mais, se um homem que considerasse seu pênis pequeno, apesar de tê-lo normal, pudesse ser submetido ã cirurgia para aumentá-lo, em médio prazo, com certeza, ficaria decepcionado com   resultado.

Ao contrário das cirurgias plásticas estéticas, as técnicas cirúrgicas para aumento do pênis (em homens normais) não demonstraram até hoje qualquer eficácia. Ao contrário, o que temos observado, são graves complicações resultantes destes procedimentos.
Demais proposta de alongamento peniano tais como: aparelhos extensores, fisioterapia, medicamentos, etc., ainda recebem críticas dos especialistas e não oferecem resultados satisfatórios.
Vários especialistas concordam que o problema do "pênis pequeno" tem que ser tratado do ponto de vista psíquico e não em uma sala de cirurgia.


Poderá gostar também de:
Postado por Mac Del Rey | (3) Comente aqui!

3 comentários:

  1. Falar de uma mulher é facil, agora quero ver falar dos gays q idolatram os pauzudos. Certa vez, um amigo meu fez uma experiencia, eu e ele não temos paus grandes, o meu 12 cm, o dele tambem é meio proximo, mas é maior. Ele namora um cara q tem 20 cm e grosso. Pois bem, ele criou um perfil no Grindr e Hornet, primeiro dele, depois do namorado, advinha quem os gays sairam se arrastando? Mesmo o fake dizendo q tinha namorado e não podia, os caras dos apps chegavam a se humilhar para poderem sairem com esse namorado do meu amigo, inclusive caras q eu ja tinha ficado no meu passado. E outra, a grande maioria deles era de sarados, bonitões e gostosões. Apesar de eu já ter saido com um monte de caras do Grindr/Hornet, e em todas as transas os caras gostarem (ou fingiram q gostarm por pena), nunca pularam em cima de mim da mesma forma q pularam no fake, mesmo esse namorado do meu amigo ser feio q dói. Meu amigo tambem ficou chateado por essa situação, pois também ficou surpreso com a diferença q deu só pq o namorado dele era pauzudo. Conheço muitos gays q dizem q o importante é saber usar o brinquedo, do q tamanho, mas os mesmo em conversas sobre transas, vivem idolatrando os pauzudos por terem dado pra eles. Sou ativo, e já experimentei ser passivo, e já dei pra pauzudos, e sinceramente, aquilo só me fez querer mais ser ativo. Como q o povo consegue gostar de gigantes?

    ResponderExcluir
  2. O falo masculino e´, em quase ou toda cultura de todos os paises, simbolo de virilidade, reprodutoçao e potencia. Quanto maior, da a ilusao de um prazer igualmente maior. E´ claro que e´ apenas ilusao. Existem pessoas com penis de 22 ate 30 cm, o que para muitos , nao possam servir senao pra ostentaçao. E´ certo que numa relaçao afetiva, o amor, carinho, cumpricidade da muito mais prazer que mero tamanho do penis.

    ResponderExcluir
  3. Falar é facil. Quero ver é um macho se sustentar com um pau menor que 18cm

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...