Slide 1 Slide 2 Slide 3

DICAS DE SAÚDE



Ejaculação Precoce
(extraído do site Saúde Sexual)



    Ejaculação precoce pode ser definida como aquela que ocorre em um curto espaço de tempo após a ereção plena ou até mesmo antes que essa aconteça. O termo descontrole ejaculatório é o mais adequado, uma vez que, o problema maior é a insatisfação gerada pela impossibilidade de conter a ejaculação até o momento desejado. O espaço de tempo a ser considerado, é aquele suficiente para que ambos os parceiros possam obter o prazer na relação.
Com relação ao período de tempo que decorre desde o início do ato sexual até a ejaculação, não existe um valor estabelecido que seja considerado o “normal”.
A ejaculação precoce pode atingir homens de todas as idades, em um número bem maior do que o leitor possa imaginar.
Apenas para ilustração, segundo Kinsey, 75% dos homens ejaculam nos primeiros dois minutos após a penetração.
Alguns autores, entre eles Helen Kaplan, são da opinião que o homem pode exercer um controle voluntário sobre a ejaculação. Tal pressuposto encontra amparo, até mesmo, em milenares técnicas hindus, onde, segundo relatos, os praticantes conseguiriam chegar ao orgasmo, repetidas vezes sem ejacular.
A ejaculação precoce seria então uma condição na qual o homem não é capaz de exercer um certo controle sobre o reflexo ejaculatório.

O Processo de Ejaculação

 

A ejaculação é a saída do sêmen, através do orifício da uretra, que ocorre ao final da relação sexual ou da masturbação. A ejaculação pode ocorrer também em situações involuntárias como, por exemplo, durante o sono, em decorrência de um sonho erótico. Geralmente a ejaculação se apresenta associada ao orgasmo, porém pode existir orgasmo sem ejaculação e ejaculação sem orgasmo.
No homem, a ejaculação é um ato reflexo, ou seja, uma resposta automática, desencadeada por um estímulo.
A forma como ocorre a saída do esperma pela uretra é variável, em intensidade, de indivíduo para indivíduo. Em alguns, a força do jato impulsiona o líquido à distância. Em outros o material ejaculado apenas escorre para fora do Pênis. Tais variações, que nada tem a ver com potência ou maior capacitação para obter prazer durante a atividade sexual. A intensidade da ejaculação depende do nível de excitação do indivíduo, da sua idade, das condições da próstata e vesículas seminais e certamente de uma série de outros fatores que ainda não conhecemos.


Causas da Ejaculação Precoce

 

Existem várias teorias e consequentemente poucas certezas sobre as causas da ejaculação precoce. Porém, tudo leva a crer que, ao contrário do que ocorre na falta de ereção, a grande maioria dos casos a ejaculação precoce tem origem emocional.
Ao longo do tempo, diversas situações têm sido apontadas como desencadeantes de um quadro de ejaculação precoce, incluindo desde associações com a micção até conceitos oriundos da Teoria Psicanalítica.
Não podemos deixar de atentar para o fato de que a ejaculação é um reflexo, e como tal está sujeita a um condicionamento ou “aprendizado”. Adolescentes, ao se masturbarem escondido, com medo de serem percebidos, se condicionam a um orgasmo rápido.  Uma situação semelhante pode ocorrer na iniciação sexual do rapaz. Relações em situações onde existe o medo de ser surpreendido por alguém, também exigem um “desempenho” rápido.
O temor, a ansiedade e a inexperiência do rapaz em sua primeira relação sexual podem ser agentes causadores de uma ejaculação precoce. Se os resultados desta experiência forem superestimados podem levar a uma repetição do quadro, em relações futuras.
Dificuldades no relacionamento do casal, tais como: ressentimentos, rancores, infidelidade descoberta, posturas competitivas, insegurança, desgaste afetivo da relação, entre outras, podem levar ao aparecimento da ejaculação precoce, em um homem anteriormente normal. Os pacientes relatam que a relação sexual se torna constrangedora ou até mesmo desagradáveis. Neste caso parece-me, bastante provável a existência de um sentimento involuntário de terminar a relação sexual, o mais rapidamente possível.
A fácil entender que, cobranças ou demonstrações de insatisfação da parceira em relação ao problema, invariavelmente agravam o quadro.
Em última análise, todos os fatores geradores de ansiedade podem levar ao desencadeamento da ejaculação precoce.
As causas orgânicas da ejaculação precoce são raras e geralmente devidas a infecções e processos inflamatórios da próstata e da uretra, além de certas doenças que comprometem o sistema nervoso. Nos casos de lesões cutâneas que afetem, principalmente à glande, a ejaculação precoce pode ser provocada pelo aumento da sensibilidade.


Poderá gostar também de:
Postado por Mac Del Rey | (0) Comente aqui!

0 comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...