Slide 1 Slide 2 Slide 3

DIREITOS

Precisamos combater o racismo na comunidade LGBT.




No dia 21 de março, o mundo se volta para o Dia Internacional de Luta pela Eliminação da Discriminação Racial, institucionalizado pela ONU em memória ao Massacre de Shaperville, onde 69 negros foram mortos, e outros 186 ficaram feridos, quando o exército sul-africano atirou na multidão que protestava contra a lei do passe em Joanesburgo em 1960. No Brasil, 63 é o número de jovens negros assassinados por dia, segundo CPI do Senado. Aqui, vivemos um Massacre de Shaperville todos os dias.

Dentro do meio gay e da comunidade LGBT, o racismo é uma realidade que está presente nas questões mínimas: achar que o homem negro não pode ser afeminado, ou estereotipar a preferência sexual e o dote, nas mulheres os seios e as ancas, ou até mesmo ao dizer “não curto negros e orientais”. Você reduzir uma pessoa pela cor da pele ou etnia não é questão de gosto, é racismo e xenofobia.

A construção social do racismo pressupõe que quanto mais clara a sua cor de pele, mais bonita a pessoa é, mais inteligente ela é e mais bem sucedida também. Há diversos relatos de gays negros que foram perseguidos por seguranças em casas noturnas, ou de baixas policiais em grupos, onde os principais alvos eram os homens negros. Além da homofobia, o homem negro tem que conviver com o racismo cotidiano, quando as pessoas atravessam a rua para não serem “assaltadas”, e o racismo dentro da comunidade LGBT, quando o assunto é preferência física. 

Aqui vão alguns dados: 65% dos policiais afirmam que homens negros são preferências em suas abordagens, segundo a Pesquisa Filtragem Racial. 71% dos mortos por homicídio em 2011 foram jovens negros. Você acha que isso é diferente na comunidade LGBT? Não é, apenas não há números para comprovar, mas a experiência tá aí para não dizer que é mentira.

Quando você olha para um homem ou uma mulher, você enxerga a beleza através do ser humano extraordinário que ele é, ou você repara na aparência? Você pensa se o nariz e os lábios são muito grandes, ou se o cabelo é muito crespo, os olhos muito negros, a pele muito escura? Isso é racismo. Ninguém se autodeclara racista, mas as pessoas escondem isso em piadas sobre a cor, sobre a situação social, sobre o tipo do cabelo. Hoje é o dia para se refletir sobre isso e minimizar os seus preconceitos internos. 

Poderá gostar também de:
Postado por Andy | (2) Comente aqui!

2 comentários:

  1. Acho q o texto foi um pouco exagerado. Quando alguem diz "Não curto 'x'", ela não está falando de relacionamentos de amizades ou algo mais sério, e sim uma foda casual. Todos temos nossas preferencias e gostos, eu por exemplo curto caras brancos, proximos dos 40 anos e discretos(mais masculinos). Isso não quer dizer q eu seja preconceituoso, até pq já namorei por quase 3 anos um negro, já fiz sexo com negros, etc. Mas acredite, eu me excito muito mais com os brancos, tanto q no namoro era complicado a parte do sexo, pois ele também era gordo e eu não conseguia me excitar, fora q há muita diferença em um corpo de um negro e outro de branco, só quem já "experimentou" os dois sabe do q eu to falando. E a cor é um agravante pra mim, pois quanto mais escura for a pele, menos tesão eu tenho. Mas isso tudo é na parte do sexo, pra amizade, e como disse até namoro, não vejo problemas. Nós somos brasileiros, uma mistura de tudo tipo, não tem pq sermos preconceituosos, afinal, o ser humano se originou na Africa e eram negros. Agora, o termo "construção social" é um termo muito negativo, usado principalmente por aqueles q pretendem ter alguma vantagem sobre outras pessoas, por exemplo obrigando a pessoa a fazer algo q ela não queira, pois se essa pessoa não fizer, está sendo preconceituoso. Por exemplo, já usaram muito desse termo contra mim q sou Branco, Discreto, tenho preferencias por Brancos e Maduros. Só q as pessoas não se tocam q em aplicativos de pegação, as pessoas estão lá pra escolher a "carne" q mais vai lhe dar prazer na hora do sexo, isso fisicamente e mentalmente, não está procurando namoro ou sei la. E acredite, quando deixamos de colocar "não curto 'x'", aquele tipo de pessoa começa a falar contigo e logo está exigindo sexo ou te chamando dos piores nomes. Pra evitar constrangimentos e foras (q as vezes tem q ser um pouco pesado pq os caras não entendem), as pessoas colocam a famosa frase nos seus perfis. E sobre a construção social ali, não tem nada haver beleza, sucesso e inteligência com cor de pele, as pessoas sabem quando alguém é bonito ou feio pra elas. Tem gente q namora caras q na minha opinião são feios, mas na opinião daquela pessoa, ele é o cara mais bonito do mundo. Eu acho, como sempre digo, q ninguém deve ditar os gostos e preferencias das outras pessoas, deixem q elas escolham por si só, desde q não saiam xingando, zoando, maltratando, etc a pessoa pelo q ela é, ta tudo bem, mas parece q entre a comunidade gay há uma crecente "corrente" de q todos tem q fazer, agir, ser de acordo com a visão de mundo de 1 única pessoa, e isso não é legal. Somos gays, somos diversidades, somos misturas, lutamos pela nossa liberdade, não são 'regrinhas' de gente estúpidas (como essas da "construção social") q irão nos calar e nos proibir de sermos e fazermos o q a gente quer com as nossas vidas e corpos.

    ResponderExcluir
  2. Mundo da Pre- Historia

    Concordo plenamente. Gosto, preferencia nao tem nada a ver com discriminaçao, preconceito ou racismo. Ora, pra dizer se nao preconceituoso, seria necessario fazer algo que nao lhe agrada? Tenho visto muitas pessoas que fazem interpretaçoes erroneas sobre esse tema. Preferencia nao tem haver com cerceamento de direitos de outros de outra raça ou etnia. E´ ter os mesmos direitos nas relaçoes sociais. E´ o RESPEITO. Nao que eu precise ter algum laço afetivo para nao dizer que estou sendo preconceituoso. Preconceito ou racismo tem haver com ofender, humilhar, rebaixar para uma categoria inferior e isso nao e´ toleravel. E´ tratar o outro (de outra raça ou etnia) com as mesmas atitudes para com os outros nas relaçoes sociais; seja por amizade, por desconhecidos,pelos grupos. Isso implica em RESPEITO.

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...