Slide 1 Slide 2 Slide 3

NOTICIAS DO MUNDO GAY

Reis da Espanha saúdam comunidade gay e manifestam apoio a parada gay mundial.




A maior Parada do Orgulho LGBT da Espanha, de Madrid, comemora 40 anos em 2017 e este ano o país recebe a World Pride, evento mundial que celebra a cada ano em uma grande cidade a diversidade. Para a celebração, os organizadores convidaram os monarcas Rei Felipe VI  e a rainha Letizia. Apesar da recusa, o evento recebeu uma resposta do chefe da casa real, Jaime Alfonsín, saudando o evento e desejando sucesso na edição deste ano que acontecerá no dia 02 de julho. Desde o início do reinado, foram poucas as vezes que a casa real deu atenção à comunidade LGBT, por isso, os votos são um marco.

O casamento entre pessoas do mesmo sexo é legalizado na Espanha desde 2005 e o país é conhecido por ter políticas inclusivas e de proteção às minorias. Em 2014, poucos meses depois de assumirem a coroa, os reis Felipe e Letizia receberam mais de 350 representantes de associações LGBTs do país para discutir sobre pautas da comunidade. Esta é a segunda vez que o casal real se pronuncia em favor de gays, lésbicas, bissexuais e transexuais. 

"A casa real é obrigada a manter um critério muito restrito perante o elevado número de solicitações que recebe", respondeu Alfonsín. Mas ele reiterou que os monarcas enviaram uma "cordial saudação, e o desejo que a celebração do evento seja um êxito”. A Espanha conta com uma legislação progressista. Há a possibilidade de adaptação ou alteração do sexo legal sem a necessidade de qualquer operação cirúrgica. Outros pontos bem inclusivos são o Exército Espanhol, a guarda civil e o sacerdócio. 

Alemanha perdoará 50 mil gays condenados por lei nazista na 2ª Guerra Mundial.




O governo da Alemanha iniciou nesta quarta-feira (22) um processo para perdoar e indenizar cerca de 50 mil homens condenados por homossexualismo com base em uma lei nazista em vigor desde a Segunda Guerra Mundial.

A proposta da Justiça, que ainda precisa ser aprovada pelo Parlamento, prevê cancelar as penas e ressarcir os homossexuais com 3 mil euros de indenização por condenação mais 1,5 mil euros por cada ano em que foram "restritos de liberdade".

Além disso, o governo investirá 500 mil euros por ano em uma fundação especializada neste tema. Durante 122 anos, de 1872 até sua revogação, em 1994, o artigo 175 do código penal alemão castigava com penas de prisão "os atos sexuais contra a natureza, sejam entre homens de sexo masculino ou entre homens e animais".

Durante o regime de Adolf Hitler, as penas foram intensificadas por uma emenda nazista que estabelecia até dez anos de trabalhos forçados para os réus. Mais de 42 mil homens foram condenados.

Ex-cônsul de Israel no Brasil conta como usou “barriga de aluguel” para ter filhos.


Roy Rosenblatt-Nir, o parceiro Ronen Rosenblatt-Nir e os filhos.


Quando estava na casa dos 20 anos, o israelense Roy Rosenblatt-Nir sonhava com a possibilidade de um dia vir a ser pai. Gay assumido, ele considerou a possibilidade de adotar uma criança anos depois ao conhecer seu parceiro, o especialista em medicina chinesa Ronen Rosenblatt-Nir. “Mas, em Israel, felizmente, não há um grande número de crianças abandonadas que estejam precisando de um lar”, contou o ex-cônsul do país no Brasil.

O casal, então, foi à Índia em busca de um serviço de surrogacy (barriga de aluguel) para aumentar a família. "Tivemos que ir até a Índia duas vezes, porque temos dois filhos e eles têm diferença de 4 meses idade. Quando meu primeiro filho nasceu, nós fomos à Índia e ficamos lá por volta de um mês até acertarmos toda a documentação do bebê e depois voltamos ao Brasil, já que nessa época morávamos no país. Quatro meses depois, fizemos uma nova viagem do Brasil à Índia para buscar a nossa filha, e novamente ficamos o período de um mês concluindo os trâmites da documentação dela."

Nesta entrevista, Roy conta como foi a gravidez de seu casal de filhos, dá detalhes de como foram os primeiros dias após o nascimento das crianças após o parto e diz como seus herdeiros lidam com sua origem.

O israelense conta que conversa com os filhos de como eles foram concebidos desde muito pequeninos. "Nós criamos um livrinho contando a história deles, sobre a doadora, a surrogate, e eles sempre escutaram a história e viram fotos. Não há segredos. Nós temos muito orgulho de tudo que fizemos para construir nossa família, e desde pequenos eles são ensinados sobre como vieram ao mundo, e queremos que eles se sintam orgulhosos disso também".

Travesti agredida e esfaqueada no Ceará segue internada em hospital,


Travesti de 42 anos é agredida em Morrinhos, no interior do Ceará, e segue internada em hospital.

A travesti que foi agredida neste domingo (19) em Morrinhos, na região norte de Ceará, segue internada na manhã desta segunda-feira (20) na Santa Casa de Misericórdia de Sobral. Paulete, de 42 anos, deu entrada na unidade hospitalar por volta de 6h30 do domingo e passou por procedimentos médicos. A Santa Casa informou que a paciente aguarda nova avaliação médica, e só então será repassado o estado de saúde.

Conforme a investigação da polícia, três homens são suspeitos de agredir Paulete. A delegada Rita de Cássia Vieira Barbosa, plantonista da Delegacia Regional de Acaraú, informou que o caso aconteceu por volta das 4 horas da manhã.

A travesti foi agredida no abdômen com uma faca, teve cortes no pescoço e chutes na cabeça. Até este domingo, duas pessoas haviam sido presas, suspeitas de participar da agressão. Não foram repassadas informações da motivação do crime.

Poderá gostar também de:
Postado por Andy | (0) Comente aqui!

0 comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...