Slide 1 Slide 2 Slide 3

SEXO

Onze maneiras de aumentar o desejo e a excitação... 


A excitação é o fundamento do erotismo, seu enigma mais profundo, sua palavra-chave.




1-Provocar.




Nada melhor para despertar o desejo e a excitação do que provocar ou tentar o parceiro. Algumas maneiras de provocar o parceiro são as seguintes:



– Aumentar a atração corporal. Tornar-se sexy através do formato do corpo e pela produção (vestuário, adornos, maquilagem).





– Provocar sutilmente o parceiro através do que diz: conversar sobre sexo, falar sobre fantasias sexuais, falar sobre desejos, sobre o que gostaria de fazer na cama.




– Provocações sexuais não verbais: passar a mão no corpo, assumir posturas corporais que deixem que chamem a atenção ou deixem entrever partes mais intimas do corpo.



2- Mostrar desejo para provocar desejo no parceiro.





Uma das coisas que mais provoca o desejo é a manifestação de desejo por parte do parceiro. É por isso que as prostitutas fingem que estão excitadas e com muito desejo: isto aumenta o desejo do cliente, apressa e o auxilia no seu orgasmo e contribui enormemente para a sua satisfação e autoestima.







3-Cumprir o roteiro sexual que faz sentido.



Chegar a um conhecido e convidá-lo diretamente para sexo, geralmente não faz sentido, mesmo que ambos queiram isso. Sair do roteiro causa estranhamento e geralmente diminui o desejo e estraga o clima.



4-Expor-se a novas práticas para aumentar os caminhos para o desejo.



Algumas coisas passam a produzir motivações pela simples exposição, experiência ou prática por um tempo: álcool, nicotina, cocaína.



Por exemplo, jogos eletrônicos, Facebook, uso de aplicativos, álcool. No início, não são motivadoras e sem graça. Outro exemplo, quase todo mundo está viciado no uso de celulares (lembra-se daquelas fotos que mostram reuniões e jantares onde todos estão nos celulares?). Depois de algumas ingestões, exposições ou práticas, elas ficam motivadoras e envolventes para a maioria das pessoas.




Sexo também é assim: se praticarmos por um tempo, há boa chance que ele se torne uma necessidade muito forte!






5- Parear práticas neutras com estímulos excitantes.



Quando um estímulo neutro é associado temporalmente com um segundo, que provoca reações (medo, alegria, desejo, etc.), o primeiro adquire propriedades para evocar aquilo que o segundo evocava. (Lembra-se do cão do Pavlov, que aprendeu a associar o som do sino com a comida que vinha em seguida?).





Situações inicialmente neutras podem passar a ser eróticas pelo simples fato de precederem ou estarem presentes durante eventos eróticos. Assim, pratique o que você quer erotizar em situações já erotizadas!




6-Facilitar erros de atribuição dos motivos da excitação.



Muitas pessoas também aprendem a “pegar carona” em excitações produzidas por outros acontecimentos que, em si, nada têm de sexual ou erótico. Várias das alterações fisiológicas que são produzidas por estes fenômenos são do mesmo tipo produzido pela excitação sexual e, por isso, podem ser capitalizados para aumentar esta excitação. Por exemplo, transar em locais onde haja o risco de ser flagrado por outras pessoas (elevadores, vestiários de lojas, praia) pode aumentar o ritmo cardíaco e a adrenalina no sangue, reações estas que também são produzidas pela atividade sexual. 





Como não dá para distinguir as origens destas alterações, fica mais fácil atribuir tudo à excitação sexual. Por este motivo, algumas pessoas procuram fazer ou dizer coisas “proibidas” ou arriscadas para aumentar seus desejos e excitações.




7-Capitalizar motivações secundárias para potencializar o desejo.



Quase tudo que fazemos é motivado por outros fatores que não são aqueles decorrentes da atividade em si. Por exemplo, muita gente pratica regularmente ginástica e diz que gosta de praticar, mas, de fato, gosta mesmo é da autoimagem e da heteroimagem de alguém que pratica ginástica. Cultivar essa imagem faz muito bem para si e desperta a admiração alheia.




Muita gente pratica sexo e crê que gosta dele, mas, na realidade, pratica porque gosta de receber é a atenção e os carinhos do parceiro.



8-Induzir hormônios sexuais através de outras atividades.



A produção de hormônios por atividades não sexuais pode ser capitalizada para fins sexuais. Muitas atividades não sexuais produzem os mesmos hormônios que as atividades sexuais: correr, ser bem sucedido na apresentação de um trabalho, vencer uma partida de xadrez, fazer uma participação social bem sucedida, etc. Essas atividades e seus resultados podem aumentar a produção de hormônios que também ativam a excitação sexual.




Por exemplo, uma pesquisa verificou que após correr em uma esteira, as pessoas achavam fotos de possíveis parceiros mais atraentes do que quando não corriam imediatamente antes.




Certas pessoas aprenderam a praticar essas atividades e capitalizá-las para aumentar o desejo e a excitação sexual.






9-Liberar desejos já existentes.



Muitas vezes, o que faz sentir mais excitação é, simplesmente, a liberação da sua repressão.





Existem muitas formas de enfraquecer bloqueios que atrapalham a eclosão do desejo e interferem negativamente na excitação: álcool, restruturação cognitiva para validar o desejo, etc.).






10-Criar condições físicas necessárias para o desejo e excitação.






Condições físicas: quem está muito cansado, doente ou com sono sentirá menos excitação porque há outro estado dominando o organismo que é incompatível com o desejo e a excitação.





Portanto, estar saudável e bem descansado deixam espaço para o desejo e excitação!







11-Produzir fricções eróticas em si e no parceiro.



– Fricções são os provocadores mais eficientes do desejo. As carícias sexuais em si próprio (masturbação) e a própria pratica sexual são altamente eficientes para ampliar os desejos. A prática sexual é, em grande parte, constituída por carícias em zonas erógenas.






Também dá para iniciar o desejo e a excitação diretamente pelas fricções (“pegar no tranco”, rs)!









Poderá gostar também de:
Postado por Andy | (0) Comente aqui!

0 comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...