Slide 1 Slide 2 Slide 3

LITERATURA GAY






 

Lua de Sangue

Havia algo de diferente sobre Noah... Zack Parker conheceu o seu melhor amigo Noah, em sua cabine, no lago, quando tinham apenas cinco anos de idade. Percebeu que sentia mais do que amizade por ele, no momento em que estavam na escola secundária. Uma noite fatídica, quando tinham dezoito anos, Zack não aguentou mais. Alimentado por amor e luxuria e necessidade, ele, finalmente, beijou Noah, como queria há anos... e, Noah, devolveu o beijo, retornando cada gota de paixão de Zack. Na manhã seguinte, Noah terminou a amizade deles, que Zack acreditava ser para sempre. Agora, aos vinte e um anos, Zack se ressente por ser arrastado, por sua mãe, que o faz sentir culpado até aceitar, à cada verão, de volta para a cabana do lago, onde cada folha e pedra e curva da estrada o lembra de Noah e do amor que ele sentia por ele, há três longos anos antes. Ele odeia ser lembrado do que ele perdeu e, mais do que qualquer coisa, ele quer o seu melhor amigo de volta. Mas, este ano, as coisas são diferentes. Noah voltou, se desculpando, e mais lindo do que nunca. Surpreendentemente, ele parece querer Zack, tanto quanto Zack quer a ele. Ele é doce e atencioso, sexy o suficiente para fazer as coxas de Zack tremerem, mas há algo errado...Que segredo  Noah está escondendo?




 

O Menino que Veio do Frio

Estava frio lá fora. Era muito frio. Gelado. Todd Burton, congelando-se, viu um homem com uma grande vassoura industrial varrendo o que era uma calçada, obviamente, já com uma pá. A neve estava caindo mais do que nunca e foi empilhando em todos os lugares. Caramba, está nevando como um filho da puta lá fora. Todd olhou nervosamente por cima do ombro para o saguão do prédio. Ninguém parecia estar observando-o…




 

Uma Rosa Vermelha Antes de Chorar

Estava ficando cada vez mais irritado conforme a manhã passava. "Denise, estou bem. Não há necessidade de uma intervenção. Sim, estarei lá, contei para praticamente todo mundo. Agora me deixe sozinho. Estou atrasado para o trabalho e eu tenho o cara da manutenção aqui para consertar minha água quente." O dia começou mal quando fui dar um pulo no chuveiro apenas para descobrir que estava sem água quente. Tive a sorte que o cara da manutenção do edifício, Trig ou Rig ou Stig - algo assim - estava imediatamente disponível. Podia ouvi-lo ao longe batendo nos tubos antigos do edifício. A próxima pergunta de Denise me fez sussurrar uma resposta. “Sim, o loiro. Você já o viu ao redor do edifício. Bonito? Nunca tinha notado. Ele é?” Podia ver qualquer que fosse seu nome no meu chuveiro empunhando sua chave inglesa de onde estava na sala de estar. Nunca tinha olhado para ele do ponto de vista do comércio. “Não sou um esnobe. Ele é hetero. E casado.”…




 

Não Correspondido

…O ar condicionado estava quebrado no terceiro andar. Não havia nenhuma janela na sala do tribunal para abrir e o calor de Agosto estava se tornando opressivo enquanto o dia se arrastava para muito depois do almoço. Vic colocou sua caneta na frente dele com um baque que reverberou através da sala do tribunal. Ele estava tentando não desabar na sua cadeira, tentando não se impacientar, tentando não parecer como se ele fosse um promotor esmorecendo em um terno italiano de mil dólares. Os olhos de Vic encontraram os de Montgomery e ele revirou os olhos. O oficial de justiça piscou para ele discretamente, seus lábios, seus lábios se curvando, mas sem formar um sorriso. Vic tentou não sorrir enquanto cobria sua boca e desviava o olhar, obrigando-se a se concentrar enquanto o calor se abatia sobre a pequena sala do tribunal. Owen e tudo que vinha com ele teria de esperar…



BOA LEITURA !!!

Poderá gostar também de:
Postado por Mac Del Rey | (0) Comente aqui!

0 comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...