Slide 1 Slide 2 Slide 3

LITERATURA GAY



1- Numa guerra, muita tensão e emoções afloram e se misturam. Um caso bem mais comum que se pensa é o de envolvimento sexual entre os combatentes. Isso é observado desde tempos imemoriais , como em Esparta, que espertamente tirava proveito disso, incentivando as relações entre os soldados, para aumentar a união dentro do exército. Mas após a guerra, quando outros medos e inimigos surgem diferentemente entre os pares. Como lidam com isso? Vejam e comprove a evolveNte história entre Hearth e Charles.
2- Cientistas, pesquisadores, mas inexperientes do amor. O diferente estágio que cada um lida com os sentimentos dão o tom a esse intrigado relacionamento. Confira!
3- Técnicos de informática que jantem uma “amizade colorida” entre eles. No Natal, se separam para passar cada um isoladamente. Entretanto, eles são surpreendidos por estranhos Pup-Ups (aquelas janelinhas que se abrem, geralmente com propaganda). O que será?
4- Acampar com quem a gente está afim é uma excelente estratégia para conseguir um bom relacionamento, ou pelo menos um bom fim de semana - falo por experiência própria - Mas quando o idealizador não manja nada de acampamento está fadado a um vexame que pode deixar mal a seu parceiro. Mas Max pode ser bem mais concedeste com Nick que ele imagina.

 
Companheiros de Farda
Em meio dos horrores da guerra, o tenente Heath Wetherill encontrou conforto nos braços de seu comandante, o senhor Charles Langdon. Mas agora, a guerra terminou, e os dois homens devem retornar às suas vidas de civis como membros da nobreza britânica. Não há espaço para o seu caso, tórrido ilícito na indigesta e velha Mãe Inglaterra, especialmente com a esposa de Charles esperando por ele. Mas a senhora Isabella não é uma esposa convencional. Talvez haja esperança para um final feliz, afinal.


 
Teoria da Atração
Esse livro é bem leve, mas tem boas cenas quentes no final quando os personagens finalmente resolvem dar uma chance ao amor. Dois professores assistentes que estão em busca de algo mais numa relação, um muito mais bem resolvido e outro cheio de traumas e paranoias, uma boa mistura!

 
Pop Ups
Estressado com a vida, Jack não deixa tempo para nada a não ser uma casual amizade-com-benefícios com seu vizinho Henry, um descontraído, tipo ao ar livre com excelentes conhecimentos de informática. É o arranjo perfeito para dois homens que são atraídos um ao outro, mas não têm muito mais em comum. Então, alguns dias antes do Natal, os planos das férias de Jack são frustrados, deixando-o em casa apenas com seu PC, enquanto Henry-sua tecnologia habitual de apoio está a caminho de um esconderijo de Natal isolado. Então, o que fazer quando, para o horror de Jack, estranhas pop-ups começam a aparecer?

 
Acampando
Nick é um rapaz da cidade, Max é do campo: a chance de um encontro parece improvável até que Max convidar Nick para passar um fim de semana com ele. É a chance que Nick estava esperando, a oportunidade de conhecer o cara que ele está interessando desde que começou a trabalhar na mesma empresa que ele. Nick só tem que lidar com o fato que tem que acontecer ao ar livre. Através de vários desastres e choques de cultura, Nick tenta impressionar. Mas encontrar-se um peixe fora d'água, ainda que em um parque de campismo, Nick demonstra muito bem o fato de que ele não saber montar a barraca. Pode conhecer a cidade, país e ele e Max encontra terreno mais comum?

BOA LEITURA!!!
 
Poderá gostar também de:
Postado por Mac Del Rey | (0) Comente aqui!

0 comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...