Slide 1 Slide 2 Slide 3

FOFOCAS DE CELEBRIDADES - GOSSIPS

Tom Waits e Marc Ribot regravam "Bella Ciao".



O renomado guitarrista Masrc Ribot, com longa e diversa carreira, está se preparando para lançar um disco com clara inflexão política que terá entre os seus destaques uma versão para "Bella Ciao", a canção folclórica que foi usada pela resistência italiana como hino contra o fascismo e ganhou renovada popularidade depois que foi usada na série "La Casa de Papel". Para ajudá-lo na gravação, Ribot chamou o cultuado Tom Waits (abaixo), com quem ele tem uma longa e produtiva parceria musical (desde 1985 ele toca em discos e shows do cantor).



Lana Del Rey lança "Mariners Apartment Complex".



Conforme havia prometido, Lana Del Rey lançou há pouco o seu mais novo single. "Mariners Apartment Complex" é uma balada luxuosa que foi produzida por Jack Antonoff dos Bleachers, na primeira parceria entre os dois.



Thirty Seconds To Mars faz mash-up de hits de Juice WRLD, Khalid e Post Malone na BBC.



O Thirty Seconds To Mars se apresentou no tradicional Live Lounge da BBC, o popular programa radiofônico transmitido pela emissora britânica onde os convidados além de mostrar material próprio, também devem tocar uma cover qualquer.



Adam Lambert lembra críticas da época que se assumiu gay: “Não esperava por isso”.


O cantor Adam Lambert


Destaque na nova edição da revista Client, o cantor Adam Lambert lembrou da dificuldade que passou ao se assumir gay há mais de uma década, época na qual não havia muitos artistas abertamente homossexuais e a mídia não discutia temas comuns a comunidade LGBT.

“Há 10 anos, não havia muitos artistas pop abertamente gays, e de muitas maneiras as pessoas não estavam prontas e eu sofri críticas quando eu não estava realmente esperando por isso – eu estava sendo eu mesmo e é claro que às vezes você faz essas coisas para se reafirmar do que qualquer coisa”, afirmou.

Produzindo um novo álbum, o artista promete trazer uma sonoridade “ousada”. “É diferente de tudo que já fiz antes – não me senti preso a uma tendência, acho que as pessoas podem se surpreender! Eu estou em um lugar onde eu realmente me sinto claro sobre quem eu sou e o que eu defendo e acho que isso vai refletir na música”, disse.

Kit Harrington vive gay enrustido em novo filme de Xavier Dolan.


O ator Kit Harrington


O novo filme estrelado pelo ator Kit Harrington, “The Death and Life Of John F. Donovan”, que estreou na última segunda-feira, 10, no Festival de Toronto, no Canadá, não foi bem recebido pela crítica.

Dirigido por Xavier Donolan, Kit interpreta um ator gay que vive dentro do armário. O personagem morre de overdose logo no início da trama e sua história é contada 11 anos depois por Rupert (Ben Schnetzer), escritor que o idolatrava e se correspondia com o ator quando era criança.

Famoso por sua atuação em filmes e séries, John F. Donovan (Kit Harrington) descobre sua homossexualidade no auge da guerra, mas jamais chega a assumi-la publicamente temendo que isso afete negativamente sua carreira.

Ex-integrante do Pânico revela que era vítima de homofobia no programa.


O apresentador Erick Ricarte


O apresentador Erick Ricarte, que ficou conhecido por sua atuação no programa “Pânico” – tanto na Band, quando a atração era exibida, quanto na versão de rádio, na Jovem Pan – concedeu uma entrevista reveladora, em que disse ter sido vítima de preconceito pelos demais integrantes do “humorístico”.

Ao site “Notícias da TV”, Erick contou que ficou depressivo após ter sido demitido ao vivo do programa que, segundo ele, só lhe pagava uma ajuda de custos de R$ 1.500.

O pior, no entanto, eram os ataques à sua homossexualidade e origem. “De fato, eu sou gay, nordestino e gordo, mas no ar eles pegavam muito pesado. Eu tentava levar na esportiva”, declarou ele, que ressaltou ter sido vítima de “ataques homofóbicos, xenofóbicos e gordofóbicos”.

Atualmente, Ricarte deu a volta por cima e é sucesso como apresentador do quadro “A Hora da Venenosa”, na TV Atalaia, afiliada da Rede Record em Sergipe.

“Quando eu saí, o Pânico já estava ladeira abaixo. Hoje, é um programa que ninguém mais lembra que existe, ninguém comenta, ninguém quer fazer parte. Eles perderam muito o foco e a notoriedade, não tem mais o respeito do público”, afirmou.

Por fim, Erick Ricarte disse que sua principal decepção foi o com o comandante do “humorístico”, Emílio Surita, que o tratava como um filho, mas subitamente parou de falar com ele.

Quando seu Pai te pega fazendo saliências na sala com outro Homem…




Japonês têm pênis pequeno?






STEVE RICHARDS...






MODELO SERGIO CARVAJAL...





Mischa Janiec...



Ryan Steele & Reed Luplau...










Até mais amigos!!



Poderá gostar também de:
Postado por Andy | (0) Comente aqui!

0 comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...