Slide 1 Slide 2 Slide 3

MINHA VIDA GAY

Casal transgênero conta como é passar pela puberdade: "Pesadelo total".


O casal transgênero afirma que não é fácil para pessoas trans passarem pela "puberdade", por isso decidiu lançar o livro


Fox e Owl são ativistas não-binários e estão lançando um livro para ajudar adolescentes trans a "sobreviverem" os diversos dilemas do cotidiano

Fox e Owl Fisher são um casal britânico de ativistas não-binários. Antes de se conhecerem, o casal transgênero tinha dificuldades quando o assunto era relacionamentos, sem saber como os parceiros reagiriam à sua identidade de gênero . De acordo com informações do site “Pink News”, eles passaram a juventude sem saber lidar com questões do tipo e, agora, acabam de lançar um livro que fala sobre a “sobrevivência” de  adolescentes  trans.

Lançado nesta sexta-feira (21), o livro “Trans Teen Survival Guide” (“Guia de Sobrevivência para o Adolescente Trans”, em tradução livre) é, como o próprio nome diz, um guia informativo para ajudar o cotidiano de pessoas trans. Para o casal transgênero , esse é o livro que eles precisavam quando estavam crescendo e explorando sua identidade de gênero.

“A fase da adolescência foi bem difícil para mim. Minha primeira puberdade, ou a minha puberdade errada, como eu gosto de chamar, foi um pesadelo total”, conta Fox ao "Pink News". “Eu me sentia cada vez menos conectado com meu corpo, e, como consequência, minha saúde mental era prejudicada. Eu comecei a usar drogas e a beber, buscando atenção nos lugares errados.”

Enquanto isso, Owl cresceu na Islândia em um ambiente rural, vivendo com pouca informação do que era ser trans e sem internet até completar 16 anos de idade. “Eu não tinha nenhuma informação sobre pessoas trans. Eu não sabia nem explicar com palavras o que eu sentia e não tinha inspirações”, relata.

Com o lançamento do livro, eles afirmam que não desejam que outras pessoas trans passem pela mesma experiência que tiveram. Com o objetivo de alcançar também familiares e amigos de adolescentes trans, a obra contém conselhos sobre uso de pronomes, relacionamentos, como se assumir, sobreviver à escola e enfrentar a mídia.

Casal transgênero afirma ser difícil namorar quando você é trans


Antes de se conhecerem e se tornarem um casal transgênero, eles sofreram para encontrar parceiros por serem trans


“Como pessoas trans, nós conhecemos o ‘mundo do namoro’ e todos os horrores envolvidos”, diz Owl. “Eu sempre tinha medo de como as pessoas reagiriam ao fato de eu ser trans. Já ouvi pessoas dizerem que nunca namorariam uma pessoa transgênero.”

“Nem sempre é possível dizer se uma pessoa é trans apenas por sua aparência. Se você gosta de alguém, essa paixão com certeza vai além do gênero”, afirma. O casal transgênero finaliza com a mensagem de que não se deve generalizar pessoas trans apenas por sua identidade. 

Juntos há 4 anos, casal gay assexual revela que nunca transou: “Pode existir amor sem sexo”.


Casal assexual britânico Thom e Steve


A BBC produziu uma reportagem na qual entrevistou casais que apesar de viverem juntos, muitos até por anos mas não costumam fazer sexo, ou até mesmo, nunca tiveram uma relação sexual. É o caso de Thom e Steve, moradores de Britsol, no Reino Unido.

O casal gay está junto há quatro anos e se casou no ano passado, e apesar do tempo do relacionamento, eles garantem que nunca transaram. Eles são assexuais – falta de atração sexual a qualquer pessoa, ou pequeno ou inexistente interesse nas atividades sexuais humanas.

Thom e Steve contam que no primeiro encontro chegaram a dormir juntos mas não fizeram nada de sexo. “Foi um dos compromissos mais satisfatórios que tivemos. Nada aconteceu”, lembrou Thom.

O rapaz acredita que a sociedade esteja cada vez mais sexualizada, e por isso, as pessoas se sentem pressionadas a manter relações, mesmo que não estejam com muita vontade. “Há mais pressão para fazer sexo e talvez as pessoas se sintam obrigadas a fazer sexo com mais regularidade.”

O casal diz que muitas pessoas ficam surpresas quando eles dizem que nunca transaram e muitas vezes perguntam como é possível amar sem ter relações sexuais. “Você pode fazer sexo sem amor, então por que não pode existir amor sem sexo?”, questionaram.

Poderá gostar também de:
Postado por Andy | (0) Comente aqui!

0 comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...