sexta-feira, junho 21, 2019

SEXO

"AH, EU SOU LINDO, SOU GOSTOSO!!" A VAIDADE GAY


O estar bem consigo tem pitadas diferentes de vaidade. Vaidade, ao contrário do que dita os “sete pecados capitais”, é elemento importante para a saúde individual, para a autoestima. Um calça jeans velha, camiseta surrada e chinelo não deixam de conter vaidade.










Manicure, pedicure, cabeleireiro, maquiador, aparelho de bronzeamento artificial, óleo de amêndoas para o corpo, cêra com mel de abelhas para depilar a virilha e as pernas. Coisas de mulher? Negativo. 






Ali é território exclusivamente masculino. A publicação é consumida pelo público gay, que cultua corpos de garotões depilados e musculosos. 









A nudez masculina parece ser o estágio mais radical do movimento que se chamou nos anos 60 peacock revolution – a revolução do pavão, ou a disposição masculina de assumir a vaidade jogando tinta e brilho no velho guarda-roupa austero. 




A privacidade é mais procurada ainda na hora da depilação. Homens insatisfeitos com excesso de pêlos fazem depilação definitiva nas costas, no tórax e até na barba, que, apesar da paciência que exige, é um símbolo de virilidade. 









A procura por cosméticos masculinos e por cirurgias começou com os gays, que sempre cuidaram da aparência.









Os homossexuais costumam funcionar como precursores de algumas tendências mais tarde seguidas por heterossexuais. Raspar os pêlos do peito é uma delas.






Os homens estão percebendo que vaidade não tem nada a ver com o sexo, e sim com o bem-estar da alma. Estar de bem com o corpo e com a cabeça só poderá trazer coisas boas. Atualmente, o número de homens que vêem buscando auxílio para emagrecer é muito grande.







Foram os gays, os grandes impulsionadores da diversificação da moda masculina, que até pouco tempo atrás era um tanto monótona. Na essência do modo de vida gay está a preocupação com o belo, com a juventude” (Oscar Wilde – revista veja)






Acontece só que, muitas vezes, a glamourização da moda e da beleza é tão excessiva que enche o saco de alguns seres pensantes.








O resultado final é sempre de muitos gays frustrados, achando que uma enorme juba florestal (por exemplo) vai aproximá-los de expectativas esperadas, sejam lá quais forem. É como se usar determinada marca de roupa espanhola fosse definitivamente nos incluir num contexto e ser aceito. Nada disso.






Mas mesmo assim, uma certa dose de vaidade nos cai bem e sempre cairá.






Algumas curiosidades da VAIDADE;


O símbolo da vaidade é o espelho;

Considera-se o pavão como animal mais vaidoso;

Os taurinos são os mais vaidosos do horóscopo;

A flor da vaidade é o narciso;


"A vaidade, embora não destrua totalmente as virtudes, desordena-as todas"



Nenhum comentário:

Postar um comentário