terça-feira, setembro 10, 2019

FOFOCAS DE CELEBRIDADES - GOSSIP

Steve Aoki e Backstreet Boys encorajam a superação no clipe de "Let It Be Me".



O DJ Steve Aoki e os Backstreet Boys divulgaram, nesta segunda-feira (9), o clipe do single "Let It Be Me", música que foi lançada na semana passada e que, agora, chega com um vídeo bem legal buscando motivar o sentimento de superação.



Greta Van Fleet está de música nova. Ouça "Always There"!



O Greta Van Fleet está com uma música nova. "Always There" é uma balada com inegável sabor setentista feita para a trilha sonora de "'A Million Little Pieces", filme de Sam Taylor-Johnson (que dirigiu "Cinquenta Tons de Cinza") que já passou em alguns festivais e estreia em circuito comercial nos EUA em dezembro.



Supergrass retorna e lança cover de "Next To You" do The Police.



Quase uma década depois de terem se separado, o Supergrass, uma das grandes bandas do britpop, está de volta. O quarteto fez na sexta-feira (6) um show com 11 músicas na Inglaterra em um evento beneficente acontecido na mesma fazenda onde o festival de Glastonbury é realizado. Agora, ele disponibilizaram uma cover de "Next To You" do The Police no YouTube.



Record abafa caso de censura LGBT e não cita polêmica envolvendo Crivella.




Assunto do último final de semana, a tentativa de censura LGBT+ por parte do prefeito do Rio de Janeiro, Marcelo Crivella (PRB), não teve uma cobertura à altura do caso na tela da Record TV.

Através das redes sociais, os internautas notaram que a rede de televisão dos fundadores da Igreja Universal do Reino de Deus, não deu muita atenção ao caso e criticaram. Para quem não sabe, Crivella é bispo da Universal e também sobrinho de Edir Marcedo, dono da Record.

Logo no início da polêmica, na sexta-feira (6), o caso de censura à revista em quadrinho dos Vingadores, que mostra dois heróis gays se beijando, apenas teve foco na postura do prefeito. Desde então, o assunto apenas foi abordado de maneira superficial no Domingo Espetacular, que agora tem Mariana Weickert como repórter.

De forma discreta, apenas dando uma “nota coberta”, a emissora se restringiu a dar 60 segundos ao caso. Logo em seguida, o programa voltou às pautas costumeiras sobre curiosidades, por exemplo, falando sobre um acidente causado por elefantes no Sri Lanka.

No último final de semana a tentativa de censura vinda por parte do prefeito do Rio de Janeiro, Marcelo Crivella tomou conta das redes sociais. Isso porque, após o pedido de recolhimento dos livros com temática LGBT+, o caso foi parar no Superior Tribunal Federa (STF).

A resposta sobre recolher ou não recolher os livros LGBTs, saiu ainda neste domingo (8), quando o ministro Dias Toffoli suspendeu a decisão judicial proferida pelo presidente do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro, o desembargador Cláudio Mello Tavares, expedida no sábado (7), que autorizava o recolhimento de obras literárias com temas LGBT+ na Bienal do Livro.

Contratada da Record, Xuxa quebra silêncio e critica posição de Crivella.




A apresentadora do Dancing Brasil (RecordTV), Xuxa Meneghel se pronunciou sobre o caso de censura LGBTQ+, protagonizado pelo bispo da Universal e prefeito do Rio de Janeiro, Marcelo Crivella (PRB).

Através de uma publicação no Instagram, Xuxa compartilhou um vídeo no qual Leandro Lima canta uma canção que fala sobre preconceito. “Deixa ele beijar na boca dele, deixa ela beijar na boca dela, quanto mais eu vejo beijo pelo mundo à fora, mais amor eu vejo entrar pela janela”, diz a música.

“Isso é lindo… Agora, censurar qualquer forma de amor é muito feio… Beijos, Lelê!”, escreveu a apresentadora, que revelou nunca ter fumado maconha. Logo depois ela recebeu uma resposta do artista. “Xu, meu amor! Você sempre surpreendendo! Morro de saudade de uma das pessoas mais incríveis que conheci. Love you!”, disse Leandro.

O caso de censura de Crivella tomou conta das redes sociais no último final de semana. O assunto foi um dos mais comentados e foi parar no Superior Tribunal Federal (STF). Através do ministro Dias Toffoli, o STF decidiu que é ilegal o recolhimento de materiais LGBTs da Bienal do Livro.

Marcos Veras se revolta com Crivella e solta palavrão no Encontro.




Revoltado com as notícias do último final de semana envolvendo o prefeito do Rio de Janeiro, Marcelo Crivella (PRB), o ator Marcos Veras deixou escapar um palavrão durante sua passagem pelo Encontro com Fátima Bernardes.

Depois de dias da polêmica da apreensão de livros LGBTs na Bienal do Rio, posicionamento de artistas e notas de repúdio, o tema do programa desta segunda-feira (9) não poderia ser outro a não ser a censura LGBT.

“Muita gente falando em nome de Deus, e eu acho que essa galera não entende o que significa Deus”, disse Veras. Em seguida emendando com o comentário intenso: “Eu costumo dizer que Deus tá p***. Desculpa falar isso de manhã e ao vivo”.

“A imagem que eu tenho de Deus é Ele lá em cima [no Paraíso] falando assim: ‘Caramba, vocês não entenderam nada'”, completou o ator da Escolinha. “Tem gente falando em nome Dele, falando de amor, quando na verdade prega ódio, discordância, preconceito”.

Para finalizar, Veras faz questão de lembrar que posicionamentos como o do prefeito do Rio de Janeiro, hoje em dia são considerados como crime. “Isso que o prefeito fez nos últimos dias é homofobia, e isso sim é crime. Não dois personagens de uma história em quadrinhos se beijando”, disse.

Em resposta a Crivella, Grupo realiza beijaço na Bienal do Rio.




A Bienal do Rio foi tomada por muita afetividade e um brado contra censura. Desse modo, grupo realizou um beijaço na noite deste sábado (7). O ato foi uma resposta à decisão do prefeito do Rio de Janeiro, Marcelo Crivella (PRB), de recolher todos os exemplares de uma HQ da Marvel. A arte continha um beijo entre dois personagens homens.

Assim, vale frisar que o assunto tomou as redes sociais e ainda está rendendo. Famosos e não famosos se manifestaram repudiando a atitude do político. Entre eles, Mel Lisboa, que postou um beijo lésbico entre ela e Thaila Ayala.

Além do mais, Jim Cheung, um dos autores do livro “Vingadores, a cruzada das crianças” (Salvat), comentou o assunto nesta sexta-feira (6). Nesse sentido, o artista se surpreendeu com Crivella e disse que sua intenção era apenas retratar o amor.

“Espero que o povo bonito do Brasil, nação maravilhosamente diversa e orgulhosa, enxergue além desse “barulho” político e foque na luz e nas maneiras de se unir, em vez de ajudar a plantar as sementes do conflito e da divisão”, disse.

Jim Cheung, coautor de livro com beijo gay, se surpreende com Crivella e explica a cena.




Jim Cheung, um dos autores do livro “Vingadores, a cruzada das crianças” (Salvat), comentou nesta sexta-feira (6) acerca da polêmica envolvendo Crivella. O entrave se deu após o político ordenar o recolhimento da arte. Crivella afirmou que o HQ tem “conteúdo sexual para menores”. Desse modo, segundo ele, é preciso proteger as crianças e resguardar valores familiares.

Nesse sentido, segundo Cheung, ele “só mostrou um momento de carinho de dois personagens”. O artista ressaltou ainda que a comunidade LGBT está aqui para ficar.”A comunidade LGBTQ está aqui para ficar, eu não tenho nada além de amor e apoio para aqueles que continuam lutando por validação e para que suas vozes sejam ouvidas“.

“Foi com muita surpresa que soube hoje que o prefeito do Rio de Janeiro decidiu proibir a venda do meu livro (com Allan Heinberg), “Avengers: The Crusade Children”, por ter suposto material inapropriado“, continuou.

“Espero que o povo bonito do Brasil, nação maravilhosamente diversa e orgulhosa, enxergue além desse “barulho” político e foque na luz e nas maneiras de se unir, em vez de ajudar a plantar as sementes do conflito e da divisão”, finaliza.

Filho de Maurício de Sousa, Mauro Sousa beija namorado:”Censura não”.


Mauro de Sousa e esposo Rafael Piccin


Em resposta à censura que Crivella tentou promover, muita gente, sobretudo LGBTs, manifestaram descontentamento com a atitude. Assim, quem também não deixou de explicitar seu posicionamento foi Mauro Sousa.

O famoso postou uma foto beijando seu namorado, Rafael Piccin, e recebeu comentários fervorosos nas redes. “O amor sempre vai vencer”, disparou uma. “Maravilhosos”, disse outro. “Censura nunca”, ressaltou mais uma.

Na legenda da publicação Mauro, que já informou sobre a possibilidade de um personagem LGBT na Turma da Mônica, deixou bem claro:“Sem censura e com a classificação etária livre, porque beijo não é impróprio e pode estar em qualquer HQ. Qualquer uma.

Vale frisar que outros famosos se beijaram em resposta ao episódio. Mel Lisboa foi uma delas. A atriz postou uma foto beijando a também atriz Thaila Ayala e dedicou o momento afetivo para os homofóbicos de plantão.

Diego Hypolito posta o namorado pela primeira vez e recebe elogios: “Maravilhosos”.




Nesta sexta-feira (6) Diego Hypolito fez questão de compartilhar um clique, onde aparece com o namorado, Marcus Duarte e Xuxa. Na imagem, ele dispara. “Olha quem eu encontrei hoje para conversar sobre um assunto muito importante! Bullying!”, diz.

Vale frisar que o primeiro clique em que os dois aparecem juntos foi feito em um shopping, onde um paparazzi conseguiu captar os dois passeando, no último dia 18 de julho.

Porém, desta vez, a foto veio à tona através do próprio ginasta, que recebeu muitos comentários positivos.“Vocês fazem um belo casal e Xu pode ser a madrinha”, disse um. “Que lindo, maravilhosos”, disse outra. “Maravilhosos, amo”, exclamou outra.

Vale lembrar que Diego está se preparando para uma possível carreira de cantor no futuro. O atleta resolveu investir recentemente na carreira musical e quer se lançar como cantor. “A música sempre foi um refúgio, o meu lugar de paz. Até um tempo atrás, ninguém sabia que eu cantava, só que aos poucos fui tomando coragem”, afirmou o famoso.

Veja aqui:

https://www.instagram.com/p/B2FuO-wlf-v/?utm_source=ig_embed

Faiz isso nãaaaaao...






Que é isso garoto?



CHUPA PRA MIM?









Lekes safados!!




Anônimos também têm vez...










Até mais!!



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...