terça-feira, abril 21, 2020

HOMOSSEXUALIDADE

Como sair da Friendzone – O guia definitivo.



No início, ele era um cara qualquer. Desses até bem interessante aos olhos de terceiros, mas que em você não despertava nem a vontade de tirar as meias.

Só que o tempo foi passando, o sentimento foi mudando, e um belo dia você se deu conta de que não quer ser só mais um “colega de balada”.

Era para ser só amizade, mas agora você tem um desejo incontrolável de tirar não só as suas meias, como a roupa inteira. Inclusive aquela cueca bem apertada.

E isso está te consumindo por dentro. Você passa o dia inteiro pensando nele, sente saudade, sente ciúme. É incontrolável.

O problema é que, ao que parece, ele não te vê com as mesmas segundas intenções…

Tudo indica que você caiu na tal da friendzone, mas não tem nem ideia de como sair de lá.

E daí, o que fazer nessa situação?

Como demonstrar interesse, sem estragar a amizade?

Continue lendo…

10 SINAIS DE QUE VOCÊ ESTÁ NA FRIENDZONE

Para quem não sabe, estar na friendzone (ou zona de amizade) significa apaixonar-se por alguém que te considera apenas um amigo.

Claro que ninguém quer morar nessa zona, mas a verdade é que ela é bastante povoada. Cair nessa enrascada sentimental é bem comum, seja em relacionamentos héteros ou gays.

Se tem como reverter o quadro e conquistar o amado? Muitas vezes, sim.

Mas, antes de partirmos para a solução, vamos descobrir se esse, realmente, é o seu caso. Existem alguns sinais bem claros que você deve prestar atenção:

Ele nunca sai sozinho com você. Sempre convida outras pessoas;

Ele recorre com frequência ao seu ombro amigo para falar de outros caras;

Ele elogia outros homens na sua frente;

Ele te apresenta para os caras com quem tá saindo/ficando;

Ele raramente faz perguntas de rotina, tipo “como foi o seu dia”, “o que você comeu hoje” e etc;

Ele não demonstra sinais físicos quando vocês estão próximos, como olhar para sua boca ou simples toques;

Ele não faz um contato visual por mais de 3 segundos;
Ele não se preocupa com a aparência quando está com você;
Vocês dormem juntos, mas nada acontece;
Ele tenta te empurrar para outros caras
Se identificou com vários deles?

Sim?

Calma! Nem tudo está pedido.

Esse homem ainda pode ser seu!

Não vou dizer que será fácil. Mas você está prestes a conhecer aqui as técnicas e estratégias que vão te dar as melhores chances.

Então, siga lendo.

COMO SAIR DA FRIENDZONE E CONSQUISTAR O SEU AMIGO

Para começo de conversa, entenda que estar na friendzone não é assim de todo ruim. Isso porque o processo de sedução acontece em três etapas: Atenção, Conexão e Atração.

Isso quer dizer que, se vocês são amigos, as duas primeiras etapas foram concluídas com sucesso.

Parabéns! Você já pode se orgulhar de alguma coisa.

Outro ponto positivo é que você conhece o seu amigo melhor do que muita gente: sabe do que ele gosta, do que ele não gosta e quais são os seus pontos fracos.

Ou seja, só com isso, já sai na frente de grande parte da concorrência.

A sua companhia já foi aprovada. E isso é ótimo! Agora, o seu grande desafio será fazer ele mudar a visão que tem sobre você.

Mas nem tudo são flores… Antes de mais nada, preciso fazer um alerta:

Passo #1: Avalie os riscos

É minha obrigação ser realista com você. Aqui, entra aquela velha máxima: cada escolha, uma renúncia.

Eu vou te mostrar como fazer esse cara te enxergar com outros olhos, mas quero que você esteja ciente dos riscos que estará correndo.

Pode ser que não funcione e que ele não queira nada com você? Infelizmente, pode.

Vai estragar a amizade? Grandes chances que sim.

Talvez dê tudo certo e vocês engatem um relacionamento. Talvez não.

Seja como for, entenda que, depois que você demonstrar o seu real interesse, existe apenas uma certeza: a relação de vocês nunca mais será a mesma.

Por isso, se pergunte: o que de melhor pode acontecer no momento que ele notar as suas intenções? E o que de pior pode acontecer?

Coloque esses dois possíveis cenários na balança. Avalie qual deles pode te trazer mais benefícios.

Se questione, também, o quão forte é o seu sentimento. Você está a fim dele DE VERDADE?

Porque, se for apenas desejo sexual, aconselho que guarde ele para você com um bom 5 contra 1.

Agora, se você está realmente apaixonado, e se já não aguenta mais essa situação. Se já nem consegue ser só um amigo…

Bom, daí acho que já temos uma resposta consciente do melhor a se fazer.

IMPORTANTE:

Muita gente me procura querendo saber como sair da friendzone com o amigo hétero. Desculpa ser dura, mas, se o cara é hétero mesmo, não se trata de friendzone. O nome disso é paixão platônica, e ela nunca será correspondida. Por isso, vire essa página.

Se você desconfia que ele possa ser gay, mas veja bem, apenas se a sua desconfiança é embasada em sinais concretos (não apenas em ilusões da sua linda cabecinha), você poderá tentar aplicar as técnicas a seguir. Porém, esteja ciente de que estamos falando de um caso muito mais complicado e, consequentemente, com menos chances de sucesso.

Passo #2: Se afaste

Infelizmente, é da natureza do ser humano só valorizar alguma coisa quando perde.

Então, a sua primeira missão será fazer com que ele sinta a sua falta.

Não precisa bloquear no WhatsApp, excluir do Facebook ou deixar de seguir no Instagram. Nada disso. Mas apenas não esteja sempre disponível como um amigo estaria.

Suma de vez em quando. Não fique conversando horas no WhatsApp. Saia com outros amigos que ele não conhece…

Aliás, o provável motivo que te fez entrar na friendzone é liberdade.

Quando você dá liberdade demais para uma pessoa, fica disponível o tempo todo, faz tudo que o outro pede, você entrega todos os benefícios de estar com você.

Daí, por que ela iria sequer pensar em ter um envolvimento maior com você, se você já se entregou de corpo em alma, mesmo sem compromisso?

Pois é…

Aproveite o momento “detox” do seu amigo para focar em novos hobbies.

Comece a fazer coisas interessantes: se matricule em algum curso, se integre em algum grupo social, entre numa academia… É o momento de buscar novas paixões e mostrar que você é um cara com uma vida muito movimentada.

Afinal, homens parados e sem atividades são chatos de se ter do lado. Ao contrário, gente mais ativa, que tem uma causa pela qual lutar, já é automaticamente vista como mais atraente.

Passo #3: Mude de atitude

Você não quer mais ser um amigo, não é mesmo? Então, não aja como um amigo.

O que isso que dizer?

Não faça programas de amigos. Não tenha conversas de amigos. Não tenha atitudes de amigos.

Por exemplo:

O erro mais comum que eu vejo nessa situação – e que faz você se mudar para a friendzone de mala e cuia – é assumir o papel de conselheiro amoroso do amigo.

Alerta vermelho, fosforescente, brilhante e com purpurina se você faz isso.

Se toda a vez que vocês se encontram, ele usa o seu ombro amigo para desabafar, para contar do ex ou do crush que sumiu sem deixar rastros. E se você, muito solicitamente, adota a postura de terapeuta dele…

… pois é assim (e só assim) que ele vai te enxergar.

Fazendo isso, com certeza você será alguém que ele vai querer ter por perto. Mas não alguém com quem ele vai querer ter um relacionamento.

Então, na próxima vez que ele vier chorar as pitangas para você, corte o assunto. Sugira que ele procure um psicólogo, mas não seja você a pessoa que encontra soluções para os problemas da vida desse homem.

Outra coisa: um possível casal estaria o dia inteiro junto, sem nem ao menos ter trocado um toque no ombro? Provavelmente, não. Isso é coisa de amigos.

Então, atente para a linguagem corporal: passe a tocá-lo sutilmente, sempre que possível. Olhe fundo nos seus olhos, como um paquera olharia.

Sempre que ficar na dúvida, pense:

Eu teria esse tipo de conversa/atitude com um cara que estou querendo conquistar? Se a resposta for não, muito provavelmente você não deveria estar agindo assim com ele.

Passo #4: Faça insinuações sutis

O próximo passo será colocar uma pitada de tensão romântica/ sexual nessa relação.

Comece a fazer algumas brincadeiras leves, insinuando algo a mais além de amizade. Mas, atenção, eu disse LEVE! Tem que ser leve mesmo, pois até pouco tempo vocês eram apenas “amiguinhos” e, na cabeça dele, ainda são.

E como você faz para ser sutil e, ao mesmo tempo, dar o recado? Aqui algumas sugestões:

INSINUAÇÃO LEVE #1

Diga por exemplo: “nossa, você, na verdade, tá bem gostoso nessa calça”

Claro que não precisa ser calça. Escolha a peça de roupa que quiser para fazer esse comentário.

Qual é a sacada aqui? Você desqualifica o cara. Ao dizer isso, é como se você não tivesse esperando ver ele como sexy, gostoso.

INSINUAÇÃO LEVE #2

Ainda usando o exemplo da calça, diga: “nossa, você tá muito sexy nessa calça. Troque de calça, eu não deveria tá achando isso.”

Se preferir, você pode falar também: “Ah não, você curte o livro X. Pessoas que curtem esse livro são muito sexy, não posso mais falar com você…”

Fazendo isso, você comunica que:

*estou atraído por você;
*não quero estar atraído por você;
*você está quebrando as regras
*E o que acontece quando um cara entende que está quebrando as regras? Ele quer quebrar mais ainda!

INSINUAÇÃO LEVE #3

Se ele disser algo que você não concorda, diga: “a gente nunca poderia namorar…”

A estratégia aqui é a mesma: a desqualificação vai fazer ele querer provar para você que, sim, poderia namorá-lo.

INSINUAÇÃO LEVE #4

Outra pedrada leve:

Diga, que você gostaria de casar um dia com alguém como ele, tirando a chatice e a cara feia, claro (risos).

Essa é uma brincadeira que parece até boba, mas, sutilmente, você mostra que enxerga nele qualidades que espera encontrar num futuro companheiro.

Na hora, ele vai rir. Só que, depois, provavelmente, ficará pensando no que acabou se escutar.



Nenhum comentário:

Postar um comentário