sexta-feira, setembro 11, 2020

SEXO

"FALA QUE EU TE ESCUTO": Chupa assim que é mais gostoso!

Para fazer o melhor boquete da vida dele, este deverá ser o seu melhor boquete também. O que quero dizer com isso é que você tem que gostar e desfrutar fazendo, ter e dar a ele esse prazer. Essa é uma carícia muito íntima.




Quem tem o brinquedo é que sabem brincar.



Perguntamos a algumas pessoas, de como gostam que façam um boquete gostoso e quente! Vejam as respostas e se você quer ser melhor nessa modalidade, que sigam os conselhos. 



Dicas de homens gays para quem faz sexo oral em um pênis.



1- Chupar as bolas é fundamental e depois ir com a língua seguindo aquele risquinho entre o saco e o ânus (períneo), todos vão à loucura nessa hora.




2- Apenas que o sexo oral não acontece só no pênis, mas em toda a região ao redor. É tipo uma bomba que tem o local da explosão, mas tem a onda de choque. Beijar a parte interna da coxa, a parte da virilha entre o saco e a perna, o próprio saco, etc.



3- Acabar com esse preconceito de que cunete/beijo grego é coisa de viado. Quem tem pênis tem prazer, não precisa pôr o dedo, basta ficar de fora. Precisa rolar com higiene, muita saliva, movimentos circulares ao redor do ânus e, mais uma vez, língua fazendo a hotline ânus-pênis, pênis-ânus



4- Homens são muito visuais e auditivos, então soltar uns gemidos como se tivesse saboreando algo muito bom e contato visual são diferenciais.



5- Se os meninos forem aventureiros e quiserem introduzir no ânus do parceiro, o “ponto G” masculino, conhecido como próstata, fica cerca de um dedo de distância da entrada e, para ativá-lo, basta massagear com uma leve pressão com o(s) dedo(s) como se estivesse apontando para o pênis. Tudo isso chupando, mas cuidado porque isso pode causar ejaculação surpresa.



6- Se o cara não for circuncidado e tiver muita pele no prepúcio, ele provavelmente vai ter um pouco (ou muitaaa) sensibilidade na glande. Logo, puxar a pele desesperadamente e sair lambendo loucamente a cabeça pode não ser uma boa ideia. Vá com calma para não transformar o prazer em tortura.


7- MUITO cuidado com os dentes, principalmente se estiver de aparelho. Uma vez eu estava fazendo oral no meu namorado e tinha colocado bracket na parte de trás do dente. Uma hora aquela porcaria enroscou no freio do pênis e ele se contorceu todo de dor. Ele foi pro banheiro e me chamou pra ver que tava sangrando, mas não queria ir pro hospital de vergonha. Enfim, ficamos uns dois meses sem sexo, mas agora já voltamos normalmente (amém). E pedi pra dentista tirar o bracket na consulta seguinte.



8- É muito bom quando o cara fica com a língua encostada na cabeça do pau (mais especificadamente na parte de trás da cabeça), isso com com grande parte do pênis dentro da boca e fazendo movimentos de vai e vem com a mão ao mesmo tempo.



9- Já fiz, já recebi, faço e recebo, rsrs. Na verdade, é uma questão de prática, mas uma coisa é fundamental: higiene! Gente, é uó chupar um pênis que não foi lavado e que o cara tenha feito o "número um" instantes antes. Há quem goste, mas pra mim é nojento!



10- A língua é sua melhor arma! Com os movimentos e toques nos lugares certos, o rolê fica muito mais gostoso do que um sobe e desce sem fim da sua boca. E isso pra ambos, tanto quem faz quanto quem está recebendo.




11- Lambidas, muitas. Molhadas e sem frescura. Lamber de ladinho usando língua e lábios como quem beija de língua. Não esquecer do saco, lamber devagarinho, sugar as bolas sem pressa. Garganta profunda somente se o parceiro também estiver de acordo. Tudo sempre com muita calma e respeito aos limites do outro.



12- Meu parceiro fica louco quando fecho bem os lábios e faço como se o pênis dele tivesse penetrando um ânus bem apertado.



13- Tem que ir até o talo, senão não tem graça. E o olhar é tudo.



14- Lamber a cabeça do pênis em movimentos circulares. Chupar as bolas também é legal, mas com cuidado, não é pra arrancar elas do saco.



15- Se for de má vontade ou somente para agradar, não faça.



Nenhum comentário:

Postar um comentário