sexta-feira, dezembro 11, 2020

SEXO

 "AHH...TÔ GOZANDO!!" - O QUE ACONTECE QUANDO GOZAMOS


Tremor de pernas, calorão, pulsação acelerada, frenesi incontrolável... Acertou quem identificou que se trata da descrição de uma gozada.


Ele pulsa, lateja muito. Tudo é muito sensível, e a glande muito mais. 



O núcleo Accumben produz muita dopamina e serotonina. Tudo isso faz o seu coração bater mais forte, a respiração fica ofegante e a pressão arterial subir. Sim, é quase um colapso, só que a gente gosta (e goza), né?



Toda penetração é uma pequena onda de prazer. Quando o gôzo vem, parece que a gente vai sair do nosso corpo. O gozo vem de dentro e explode. 



O clímax traz relaxamento, alívio de tensão e sensação de bem estar. E quando explode, desce do cérebro uma sensação de bem estar muito boa.



Sensação de bem-estar



Não é novidade que o sexo deixa as pessoas mais felizes, mas isso tem uma explicação fisiológica. Após o orgasmo, o corpo libera oxitocina (hormônio que reduz o estresse) e endorfina (que gera sensação de bem-estar e prazer). Até 10 minutos após o orgasmo, você se sente feliz da vida.



Bom treino! Relaxa e goza!



Transar cansa. O trabalho da atividade sexual libera adrenalina, aumenta a frequência cardíaca, a musculatura fica mais rígida, aumenta a pressão arterial, gastam-se mais calorias. Após o orgasmo, quando a adrenalina para completamente de ser liberada, todas essas mudanças são normalizadas, mas é como se você tivesse acabado de voltar de um treino pesado na academia. Mais relaxado que isso, impossível.



Além da oxitocina e da endorfina, após o orgasmo seu corpo também fica inundado de um hormônio chamado prolactina. Essa substância suprime a dopamina, um neurotransmissor que ajuda você a se sentir acordado, deixando-o pronto para dormir. Se você ficar no escuro, melhor ainda, porque seu corpo vai pensar que é hora de descansar. A escuridão desencadeia a liberação da melatonina, um hormônio que faz você se sentir sonolento e diz ao seu corpo que é hora de descansar.



Mas não é somente o ativo (top) que goza gostoso. Os passivos (bottom) também. Gozar pelo cu é possível. As sensações deste momento ápice do prazer são arrepio, pernas bambas, visão embaralhada, taquicardia, sensação de leveza, entre muitas, muito parecidas com a gozada convencional e é muito mais intensos. O nível de excitação e satisfação precisa estar bem alto, estimule seu parceiro com sacanagens ao pé do ouvido dele.



No caso da gozada anal, a grossura do pau parece ser importante, o tamanho nem tanto. A estimulação da próstata é o ponto G no homem. O orgasmo anal é uma experiência única. Estimular a próstata pode produzir um orgasmo “excepcionalmente prazeroso”, muitas vezes maior que o obtido pelo estímulo do pênis.



Mas para ambos os casos, anal e peniano, o estímulo é um fator mais que importante. O estímulo visual é muito importante para os homens. E quanto mais tempo não se ejacula, maior é a quantidade de porra, e claro, dependendo do estímulo e do tesão.



Bem, que tal pegar aquele rolo de papel higiênico e começar uma bronha (handjob) e gozar gostoso?



Nenhum comentário:

Postar um comentário