sexta-feira, janeiro 29, 2021

FOFOCAS DE CELEBRIDADES - GOSSIP

 "Hear Me Now" se torna a primeira música brasileira com 500 milhões de plays no Spotify.



Alok, Zeeba e Bruno Martini se tornaram os primeiros artistas brasileiros a conseguir 500 milhões de plays no Spotify com o seu hit "Hear Me Now". O feito inédito foi conquistado nesta terça-feira (26).



Com presença do próprio Lulu Santos, Vitor Kley regrava "A Cura", um dos grandes hits do cantor.



Vitor Kley deu uma nova cara para "A Cura", um dos grandes hits de Lulu Santos, lançada em 1988 pelo cantor e compositor,. Melhor ainda, o jovem ainda teve a chance de contar com o próprio autor da música para ajudá-lo na versão.



Ludmilla lança o pagode "Ela Não". 



Ludmilla continua na vibe do pagode. A cantora, que no ano passado lançou o EP "Numanice", só com músicas do gênero, agora divulgou uma nova faixa para dar sequência ao projeto, só que desta vez, ao vivo.



Karol Conka expõe episódio de transfobia envolvendo “cantor cancelado” e web aponta Nego do Borel.



Nesta terça-feira (26/01), Karol Conka falou com os colegas de confinamento sobre um episódio de transfobia envolvendo um “cantor cancelado“. Sem citar nomes, ela relembrou a ocasião em que o artista teria perguntado de forma jocosa se ela era homem ou mulher.

“Ele falou assim ‘Ei, você é igual essa galera estranha? Você é homem ou mulher?’. Aí eu já olhei para ele… você tem que tratar o escroto com escrotidão. Falei: ‘Dá a mãozinha aqui e sente o vaginão’”, disse Conka, provocando os risos dos colegas de confinamento. “Aí ele: ‘Ai, adoro você, você é minha prima’, e me chamou para casa dele, pra um churrasco. É óbvio que não fui. A pessoa é assim, e não é uma coisa assim: ‘errei porque não sei’. Ele gosta de ser assim. Ele teve a oportunidade de melhorar em outros cancelamentos, mas não quer“, completou. Não demorou muito para que internautas sugerissem que o envolvido tratasse de Nego do Borel.

Segundo Karol, muitas pessoas nas redes sociais já questionaram seu gênero. “Muita gente perguntava se eu era homem ou mulher porque eu era careca, andava com gay. Mas esse tipo de coisa não deveria ser abordada. Se é trans ou gay… Aí depois ele falou ‘você é massa, você é massa’”, completou a artista.

Após Globo dizer que participantes do ‘BBB’ estavam imunizados do paredão, Carlos Bolsonaro confunde com vacina da COVID-19.



Nesta quarta-feira (27), o vereador do Rio de Janeiro, Carlos Bolsonaro, filho do presidente Jair Bolsonaro, cometeu uma grande gafe ao atacar a TV Globo e seu programa de confinamento, Big Brother Brasil.

O político compartilhou uma imagem em seu perfil no Twitter, no qual uma internauta questionava o tweet do G1, sobre os participantes estarem imunizados. “Seis participantes imunizados: esses 6 participantes são profissionais da saúde? Idosos?Indígenas? Quilombolas? Estão imunizados porque?”, questionou a internauta, sem entender que a imunidade a qual o tweet se referia, era sobre o paredão, onde os seis participantes não poderão ser votados nesta semana.

Carlos Bolsonaro, então, compartilhou o print da mulher e seu questionamento incorreto para atacar a emissora carioca. “Vacinados sem prioridade do bem”, disparou o vereador, virando piada entre os internautas.

Nos comentários, os seguidores debocharam da confusão. “Carluxo é burro demais, eles não falando da imunidade do paredão, e não de vacinação pqp”, disparou um internauta. “A família Bolsonaro é toda burra, meu Deus”, disse outro tuiteiro. Para evitar maiores linchamentos, o político apagou o tweet e refez, excluindo o print dos ‘imunizados’ do BBB.

Assumido, repórter da Globo reforça homossexualidade ao falar sobre doação de sangue: “Sou VI-A-DO: Gay”.



O jornalista Rômulo D’Avila, repórter da TV Globo, falou abertamente sobre a sua sexualidade enquanto comentava pelo stories do Instagram a recente decisão do Supremo Tribunal Federal (STF), que liberou a doação de sangue por LGBTs nos pontos de coleta pelo Brasil afora.

“Pelas minhas contas, é a 12º vez que doo. E, pela primeira vez, ninguém perguntou sobre minha sexualidade! Ou seja, ninguém sabe que eu sou V-I-A-D-O, gay!”, brincou o jornalista gaúcho,  que atualmente trabalha na sede da Globo em São Paulo.

Há pouco menos de um ano, Rômulo virou notícia ao socorrer ao vivo um idoso de mais de 90 anos que estava que estava na chuva. O caso viralizou nas redes sociais e seguidores elogiaram a postura do jornalista, que se mostrou humanizado com a situação.

Golpistas que dopavam gays com “Boa Noite, Cinderela” são presos no Rio de Janeiro.



A Polícia Civil do Rio de Janeiro prendeu mais dois integrantes pertencentes a quadrilha investigada por abordar pessoas em bares e boates do Rio e de outros quatro estados, dopa-las e fazer saques e compras de altos valores. 

João Marcos Batista de Matos (28) e Matheus Gidioney Tavares (27) foram reconhecidos por uma vítima que teve prejuízos de cerca R$ 30 mil em um golpe conhecido como “Boa Noite, Cinderela”. 

As informações são de O GLOBO. Segundo as investigações da 13ª Delegacia de Polícia (Ipanema), os dois agiam com os atores pornôs gays João Bosco Rodrigues Junior e Jemison Portela dos Santos, sendo que o primeiro foi preso em outubro do ano passado pela polícia da 78ª DP (Jardins – São Paulo), e seu irmão continua foragido.  

Quanto a João Marcos e Matheus, ambos cumprem prisão preventiva referente a um crime em uma casa noturna no Centro do Rio. 

A vítima disse em depoimento que um deles ofereceu bebida alcoólica para ele e, quando estava embriagado, a vítima entrou em um táxi com a dupla e teve seu celular e cartão furtados dentro do veículo. 

Em seguida, a dupla movimentou cerca de R$ 28.950,00 em transações bancárias.



Em dezembro, os agentes da 13ª DP prenderam o taxista Fábio Borges dos Santos, que seria o responsável por transportar os criminosos e as vítimas. 

Segundo o delegado Felipe Santoro, o inquérito aponta que as vítimas entravam no carro sob efeito da droga Ketamina, conhecia pelos usuários apenas como “K”, uma substância originalmente para induzir e manter a anestesia em animais de grande porte. 

Ao ser dissolvida em bebida alcoólica ou cheirada, ela provoca efeitos alucinógenos e perda dos sentidos, sendo este o golpe que ficou conhecido como “Boa Noite, Cinderela”.

Vale lembrar que o já citado João Bosco foi preso por ter roubado o equivalente a R$ 100 mil contabilizando todas as vítimas, mas seu perfil do Instagram teve um ganho de 1000 seguidores. Ele era conhecido por ter um pênis de 27 cm e fazia filmes pornôs gays.

Mãe sobre filho estar no OnlyFans: “Eu que fiz esse neca, quero minha porcentagem”.



Eles contam que com o dinheiro da venda de nudes no OnlyFans conseguiram comprar uma televisão grande.

Jack the Lad (19), nome artístico do britânico Cameron Cook na rede social OnlyFans, foi questionado no TikTok sobre o que a mãe dele achava de ele trabalhar com a rede social para maiores de 18 anos. Para responder a pergunta, ele gravou um vídeo com a própria mãe e publicou no Twitter. “Você tem orgulho de mim?” – ele pergunta. “Claro que sou orgulhosa!” – ela responde – “Eu sou sua fã número um. Eu quem fiz esta r0l4! Quero uma porcentagem!” – continua. Ambos também dizem que com o dinheiro do OnlyFans eles conseguiram comprar uma televisão grande e também tirar a carteira de motorista.



O comentário da mãe de Cook repercutiu de modo positivo na rede social, com muitos parabenizando-a por ser uma pessoa sem preconceitos e com tal atitude “recupera a fé na humanidade”.

“Isso é lindo! Amo ver famílias dando apoio aos profissionais do sexo” – disse a conta @squxxxsh no Twitter – “Isso é orgulho” – disse Dragon Puppy III.

Para quem tiver mais de 18 anos e quiser apreciar alguns dos nudes dele, 

https://twitter.com/itsjackcamero

FAIZ ISSO NÃÃÃÃÃÃÃOOO...



BOQUINHA LINDA!



MOSTRA SÓ UM POUQUINHO, VAI...



FAZENDO  MEU AMIGUINHO FELIZ!



PEGUEI MEU AMIGO NO FLAGA!!



EEEEEPA!



ABRE AS PERNAS, AMOR!



O DIA COMEÇA ASSIM...



AQUI SÓ TÊM PAU? NÃO TÊM BUNDA NESSA PORRA?



QUE QUÉ ISSO MULEKE!!



NICK JONAS



ANÔNIMOS TAMBÉM TÊM VEZ...



TENHA UM BOM DIA!



ATÉ MAIS!



Nenhum comentário:

Postar um comentário