domingo, dezembro 26, 2021

Sexo na noite de natal



Bem, sempre tive um enorme desejo pelo meu "primo" (marido da minha prima) , sentia muitas vezes olhares diferentes,gestos,mas achava que era coisa da minha cabeça,afinal sempre olhava pra ele com tesão,enfim, sempre tive mil fantasias com ele mas nunca contei a ninguém,até então que o natal desse ano passamos na casa dele, família toda reunida e tudo mais,assim que deu meia noite todo mundo se abraçando, ele estava no quarto olhando tv, eu deixei pra ser o ultimo a abraçar ele,até então que todos decidiram sair pra comprimentar os vizinhos e me chamaram, eu falei que ja iria, afinal era minha maior chance de tentar algo,todos então saíram e eu fui até o quarto, abraçei-o, desejei feliz natal acariciando sua nuca e senti que o abraço ficou mais apertado,disse então em seu ouvido que o presente ele ganharia assim que quisesse, ele deu um leve sorriso e disse com jeito de macho "opa,que isso hein" 


Mas foi imperceptivel seu volume gigante na bermuda,eu logo coloquei a mão em cima e sorri, ele com uma força incrivel me puxou pra cima da cama e me beijou com muito tesão abaixando minha calça, eu muito surpreendido alisando suas costas e braços definidos aproveitei bem o gostinho de seu beijo,ele então abaixou minha cueca e meteu o dedo em meu cuzinho com força,dei um leve gemido de dor, mas não podia reclamar,foi aí então que abaixei sua bermuda,ele estava com uma cueca branca quase transparente e seu pau explodindo dentro dela, dei uma leve mordidinha e logo abaixei sua cueca lambendo seu pau grande e duro enquanto ele metia outro dedo, seu pau era maior do que imaginava,cheiroso, então chupei-o com muita vontade alisando suas coxas mostrando o quanto o desejava, ele então tirou os dedos de mim e começou a me punhetar devagar, eu com muito prazer lambendo a cabeçinha de seu pau,levantei ,tirei sua camisa dando mordidinhas em seu corpo,olhei em seus olhos e falei: 

come tua putinha meu macho gostoso.



 E surpreendido mais uma vez fui beijado com muita verocidade, ele enfiou novamente dois dedos em mim, fazendo um vai e vem forte, enquanto eu o arranhava e chupava sua lingua com muito tesão,ficamos então nus e fizemos um 69,ele mesmo sendo muito ativo me chupou de uma forma incrivel,me levando a loucura, eu segurei com força em seu cabelo enquanto socava meu pau em sua boca, ele logo voltou a passar o dedo na minha entradinha que já estava mais aberta, eu me contendo ao máximo pra não gozar puxei-o e o beijei novamente,ele logo sentou escorado na parede e pediu pra que eu sentasse em seu colo, sentei com seu pau roçando em minha bunda. 



Ele pegou uma camisinha pra usar a lubrificação,me deixava louco com seus dedos,até que senti a "cabeçinha" que era gigante e pulsava muito, eu com muito tesão fui sentando e ajudando a entrar mais,logo senti ele todo dentro de mim, doía bastante mas precisava daquilo, ele começou a bombar enquanto eu mordia sua orelha,alisava seu corpo grande e suado, ouvia seus gemidos enquanto me apertava forte,chupou meu labio e começou a me punhetar, logo senti meu pau em um vai e vem muito forte até que em poucos minutos ele gozou muito soltando um forte gemido, ao sentir seu leitinho muito quente dentro de mim.

Gozei ao mesmo tempo em seu peitoral,deixando-o todo melecado, ele me beijou alisando meu corpo, dizendo que queria mais vezes,eu coloquei minha roupa afinal logo todos voltariam, e ele foi tomar banho pois estava todo sujo (risos),depois desse dia não fizemos mais vezes,mas espero que ainda venham muitas . 

2 comentários:

  1. Estamos indo para 2022 e o mesmo "enredo patético" de contos! Nunca presenciei vizinhos sendo cumprimentados na hora do ceia: cada família em sua residência!

    ResponderExcluir
  2. "come tua putinha meu macho gostoso." todo conto a mesma coisa... fica parecendo que todo passivo gosta de ser tratado assim.

    ResponderExcluir